INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Notícias

Fronteira entre Egito e Gaza fecha antes dos brasileiros passarem

Nesta sexta-feira (10), a fronteira entre o Egito e o sul da Faixa de Gaza foi novamente fechada, antes que os brasileiros refugiados pudessem cruzá-la para escapar do conflito. Trata-se do único vetor de saída disponibilizado para a saída segura do território, e a saída agora deve ficar para o sábado (11).

Ao todo, são 24 brasileiros, mais 7 palestinos em processo de imigração e 3 palestinos que confirmaram que vão dar início ao processo. Estavam na 7ª lista de estrangeiros autorizados por Israel a sair — a primeira contendo brasileiros — e estavam projetados para sair durante esta sexta, mas o país fechou a fronteira com o Egito, mais uma vez.

Segundo o embaixador Alessandro Candeias, na Palestina, somente foi autorizada a passagem no dia de cinco ambulâncias, que demoraram para sair.


Os bombardeios próximos a recursos de saúde continuam ocorrendo.

Os bombardeios próximos a recursos de saúde continuam ocorrendo, como o alegadamente realizado por Israel ao Hospital Ahli Arab. (Foto:Reprodução/Portal Guaporé)


Dificuldades no cruzamento

Ainda de acordo com Alessandro, parte do atraso ocorreu devido à “forte presença militar israelense em combates ao redor de hospitais,” a qual teria sido um obstáculo às ambulâncias. Pouco antes, o Crescente Vermelho (Cruz Vermelha da região) disse que ainda nesta sexta um tiroteio causado pelsa forças militares israelenses teria deixando 1 morto e 19 feridos, no hospital Al-Quds, em Gaza, o que pode ser uma operação relacionada à maior presença mencionada.

No entanto, o embaixador Candeias afirmou com segurança que “se as ambulâncias puderem sair amanhã (11), os estrangeiros também poderão, inclusive nossos brasileiros.

Diariamente, essa passagem estreita de Rafah fica aberta somente por algumas horas, devido a exigências tanto do Egito quanto de Israel, por precauções contra terroristas do grupo Hamas infiltrarem no cruzamento da fronteira.


Mapa com dados da BBC demonstra o caminho dos brasileiros ao Egito.

Mapa com dados da BBC demonstra o caminho dos brasileiros ao Egito. (Foto:Reprodução/Kayan Silva/g1)


Processo de repatriação

Apesar de terem sido levados até o posto de controle, eles não puderam passar. A passagem é complexa, porque o posto de controle de Rafah fica aberto durante apenas algumas horas por dia, e existe um entendimento de que ambulâncias passam primeiro,” disse Mauro Vieira, ministro das Relações Exteriores. “Foi o que aconteceu hoje.

Tal atraso muda a agenda de repatriação, que antes estava prevista para concluir com a chegada dos refugiados na manhã de domingo (12) em Brasília. Porém, fora o fator cronológico, a operação deve seguir como planejado, com acolhimento por parte de representantes da Polícia e Receita Federal, além de possibilidade de abrigo em São Paulo, de acordo com o secretário nacional de Justiça, Augusto de Arruda Botelho.

Aos que não possuem a nacionalidade brasileira, o embaixador Paulino Franco de Carvalho Neto já afirmou que ainda assim serão providenciados os documentos necessários para a entrada efetiva no país.

Foto Destaque: Fronteira de Rafah. Reprodução/Ibraheem Abu Mustafa/Reuters

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Celebridades

O cantor foi fotografado ao lado da esposa Bianca Censori. Ele estava mascarado e ela nua, sob uma capa de chuva transparente.

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...