Notícias

Fãs de Taylor Swift passam mal após o cancelamento do show de sábado

19 Nov 2023 - 15h51 | Atulizado em 19 Nov 2023 - 15h51
Fãs de Taylor Swift passam mal após o cancelamento do show de sábado

Com a forte onda de calor que passou pelo estado do Rio de Janeiro, o show da cantora norte-americana Taylor Swift que ocorreria no último sábado (18), precisou ser cancelado. No entanto, o anúncio saiu tarde, e grande parte do público já estava no estádio aguardando pelo início da apresentação. De acordo com os socorristas presentes do estádio, mais de 60 fãs chegaram a desmaiar após o anúncio, tendo casos mais graves, como o de uma fã que teve uma crise convulsiva.

O cancelamento

Faltando pouco menos de uma hora para o começo do show de Sabrina Carpenter, o ato de abertura da The Eras Tour, altos falantes anunciaram para os fãs que estavam no estádio que as apresentações de sábado estavam canceladas, e que seriam reagendadas para a segunda-feira (20).

O dia já estava previsto para ser um dos mais quentes do ano, e ao longo da tarde, os termômetros cariocas chegaram a marcar quarenta e um graus, com a sensação térmica de sessenta graus.

Para o desespero dos fãs, que passaram horas na fila e dentro do estádio sobre o sol forte de sábado, a saída do show foi ainda pior. De acordo com o corpo de bombeiros, mais de sessenta pessoas precisaram ser socorridas após o anuncio do cancelamento.


Bombeiros jogam água para refrescar fãs na fila após confusão de sexta-feira (Foto/Reprodução/Gabriel de Paiva/O Globo)


 

Uma das pessoas que passou mal, teve uma convulsão na entrada do Engenhão. A causa da convulsão não foi confirmada, mas a mulher foi colocada em uma maca pelos profissionais que estavam lá no momento, e deixou o estádio sendo carregada por uma ambulância.

As medidas extremas do estádio

No primeiro show da "The Eras Tour" no Brasil, na sexta-feira (17), os socorristas alegaram que mais de mil pessoas que estavam no evento sofreram com desmaios devido as altas temperaturas e a falta de ventilação no estádio.

Além do calor extremo que o Rio de Janeiro vem enfrentando, os responsáveis pelo Engenhão bloquearam as passagens de ar do estádio para que quem estivesse do lado de fora, não conseguisse assistir o show; mas a medida teve suas consequências e acabou tornando o ambiente ainda mais abafado.

Ademais, os fãs foram proibidos de entrar com garrafas de água, e para adquirir um copo de 300 ml de água dentro do estádio, era preciso pagar oito reais. E, segundo as pessoas presentes, os copos estavam esgotados em certos setores. Em um momento do show de sexta, a própria Taylor parou sua apresentação para distribuir água.

Em consequência de tudo isso, a fã Ana Clara Benevides, de apenas vinte e três anos, acabou passando mal e vindo a óbito pouco após o começo do primeiro show.

Foto Destaque: fãs aguardando na fila da The Eras Tour no Brasil (reprodução/Pilar Olivares/Reuters)