INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Cinema/TV

Kit Connor revela a Vogue Britânica que não quer ser lembrado apenas como Nick de ‘Heartstopper’

Faltando menos de um mês para a estreia da segunda temporada de “Heartstopper”, Kit Connor comenta sobre sua experiência na série e também declara que não quer ser apenas lembrado por seu papel como Nick Nelson.

Em entrevista para Vogue Britânica, Connor diz que não quer ser rotulado como um galã ou ator queer, por exemplo, e que quer ser conhecido por ser um profissional; com papéis diferentes e tem consciência do fato de não querer que as pessoas ao verem seus trabalhos futuros se refiram a ele como “ah, é o Nick de Heartstopper”.

Além de agradecer seus colegas de elenco, ele não consegue expressar o quão grato é por fazer parte do seriado e como o deixou mais confiante consigo mesmo, seja pela maneira como afetou sua vida ou sua carreira, e o impacto na vida de inúmeras pessoas. 


Kit Connor em ensaio fotográfico para Vogue Britânica (foto: Alasdair McLellan/British Vogue) 


A adaptação dos quadrinhos de Alice Oseman é um sucesso absoluto entre os jovens, para se ter uma noção, a Netflix divulgou que o seriado conseguiu bater 14,5 milhões de horas assistidas em seus primeiros dias. 

Durante sua conversa com o jornalista Chris Godfrey, Kit fala sobre sua sexualidade e a pressão que caiu em seus colos após ser registrado com uma garota. O britânico declara que preferiria ter dito de outra maneira, mas não se arrepende e sente que foi empoderador de alguma forma. 

No ano passado, os comentários questionando sobre seus gostos ou acusações de queer baiting rodaram a internet e isso fez com que ele publicasse uma nota através do twitter. “Eu apenas sentia que não era algo que eu estava pronto para falar. Eu não estava com raiva. Fiquei um pouco decepcionado com a reação”, contou à Vogue. 

Connor ressalta que se entendeu como bissexual antes mesmo das audicoes para a serie. Ele disse que foi um processo natural, mas que demorou para se aceitar por conta do ambiente “heteronormativo” da escola onde estudava. “É a experiência de ser muito hetero para ser gay e muito gay para ser hetero. É tipo: ‘Onde eu sento?’”

A segunda temporada de “Heartstopper” estreia no dia 3 de agosto desse ano e conta com Joe Locke, Yasmin Finney e Will Gao no elenco.

 

Foto destaque: Joe Locke e Kit Connor como Charlie Spring e Nick Nelson, respectivamente. (foto: divulgação/Netflix)

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Celebridades

O cantor foi fotografado ao lado da esposa Bianca Censori. Ele estava mascarado e ela nua, sob uma capa de chuva transparente.

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...