INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Cinema/TV

Em busca de suas raízes, J-Hope do BTS lança novo álbum e documentário

J-Hope realiza lançamento conjunto de álbum e documentário, enquanto está no exército, para falar sobre dança de rua e hip hop

Foto Destaque: JHope (Reprodução/weverse)

Neste final de março, J-Hope, rapper e dançarino principal do grupo sul-coreano BTS, lançou um projeto especial onde produziu um documentário e um álbum sobre sua trajetória com a dança de rua e o hip-hop. Separado em dois dias de lançamento, dia 28 o primeiro episódio do documentário saiu, e dia 29 o álbum foi lançado.



Cada episódio do documentário é sincronizado com uma música do álbum, totalizando seis músicas e seis episódios, onde teve o objetivo de mostrar sua origem antes de se tornar J-Hope do BTS, e explicar o background da dança de rua e suas variedades.

Durante os episódios, ele dança suas músicas majoritariamente com freestyles, trabalha e conversa com vários dançarinos profissionais do mundo todo, para cada música e estilo diferente de dança que fez parte de sua vida. 



Background

Inicialmente, Jung Hoseok era apenas um dançarino. Nascido e criado no distrito de Gwangju, no sudoeste do país. Hoseok foi introduzido à dança de rua muito cedo, por gostar muito de hip-hop, tendo o artista J. Cole como um de seus maiores ídolos.

Ainda adolescência, fazia parte de competições e eventos oficiais de dança pela região, e ficou conhecido por seu estilo de freestyle. Em 2010, aos dezesseis anos, ele se mudou para a capital Seul para focar em sua carreira, até debutar com seu grupo. Atualmente, J-Hope se encontra em serviço militar obrigatório do país, até outubro deste ano, mas ainda assim fez questão de deixar ótimos projetos para seus fãs.

Quando se alistou, em abril de 2023, o rapper lançou o single “On The Street“, em homenagem aos fãs, com a colaboração de seu ídolo J. Cole. Próximo a um ano de seu alistamento e na data de seu aniversário (18/02), o artista anunciou seu novo projeto, o Hope On The Street.

O documentário conta com seis episódios, onde cada um é filmado em uma cidade diferente, representando um estilo de dança diferente. Para cada episódio, Hoseok compôs e produziu uma música do mesmo estilo que queria dançar. O rapper contou com a ajuda de Hak Nam Kin, ou Boogaloo Kin, dançarino profissional de rua coreano e uma de suas inspirações na dança, para participar dessa jornada com ele através do documentário.

Boogaloo Kin era um dos professores de Hoseok na sua época de trainee e comentou “eu nunca havia visto alguém se esforçar tanto para mostrar o cenário do street dance dessa forma” em uma janta com o rapper e amigo.



O artista e sua arte

O primeiro episódio é introdutório, feito para explicar sobre sua experiência com o projeto e é equivalente à música “On The Street (solo version)”, que dança sozinho em um freestyle. Para os outros episódios, o artista viajou e procurou dançarinos profissionais que admira em respectivos estilos, para ter aulas com eles e coreografar suas músicas, como Popping em Osaka, Locking em Seul, House em Paris, HipHop em Nova York e “Neuron” em Gwangju respectivamente.


Trailer Hope On the Street (divulgação/Prime Video)

J-Hope é considerado um dos melhores e mais dedicados dançarinos de toda indústria de K-Pop. Seus passos mais distintos são aqueles que exigem de seu corpo grande elasticidade e controle muscular, e suas “waves” técnicas impecáveis.

Movimentos bem característicos da dança de rua, principalmente do NEURON Crew, o primeiro grupo de dança de Hoseok em Gwangju. O grupo NEURON, é original do distrito de Gwangju e conta com diversos dançarinos do cenário underground coreano. Conhecido na época como “Smile Hoya”, Hoseok se juntou ao crew em 2008 e foi por meio deles que competia e ganhava reconhecimento.

Atualmente, o rapper fez questão de homenagear suas raízes e estas pessoas que contribuíram para sua trajetória, finalizando o álbum e o documentário, com uma música de mesmo nome e se reunindo com o grupo para dançarem. “Nós sempre estaremos vivos para nos mover”, finaliza o álbum.



O documentário é original da Amazon Prime Video e os episódios estão sendo lançados até 11/04. O álbum “Hope On The Street Vol.1” teve suas promoções restritas por conta do artista ainda estar em serviço militar, porém, já atingiu N1º em diversos países e charts, inclusive no Brasil, e está disponível em todas as plataformas de streaming.

As atividades de J-Hope voltarão imediatamente após o fim de seu alistamento e as atividades do BTS voltarão oficialmente em junho de 2025. 

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

oito + 3 =

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...

Reality

A final de A Fazenda 15 vai acontecer na quinta-feira (21). Quatro integrantes estão na disputa pelo prêmio de um milhão e meio de...