Celebridades

Influenciador Lucas Viana passa mal em festa após o uso de cigarro eletrônico

27 Jun 2022 - 18h58 | Atulizado em 27 Jun 2022 - 18h58
Influenciador Lucas Viana passa mal em festa após o uso de cigarro eletrônico

Durante uma festa, o influenciador digital e campeão da edição da “A Fazenda 11”, Lucas Viana, passou mal e teve de ser socorrido por uma ambulância, tudo isso graças ao uso excessivo do cigarro eletrônico, ou conhecido como “vape”. Ele precisou ficar em observação e teve de fazer alguns exames na madrugada de domingo (26).

Por meio dos seus stories no Instagram, o campeão do reality show da Record Tv, esclareceu o mal súbito: “Gente, eu estava numa festa e de repente começou a me faltar o ar de uma forma surreal. Era como se tudo estivesse entupido e eu me sentia como um afogado, tive que ser socorrido por uma ambulância e logo me colocaram o aparelho de oxigênio”, contou.

Depois de contar seu relato, Lucas disse que iria jogar fora todos os seus “vapes”, pois teve a saúde muito prejudicada. “A gente acha que nunca irá acontecer conosco, até que acontece. Assim, tudo isso vai deixar de fazer parte da minha vida, que eu e meu problema possam servir de alerta, porque o negócio é sério. Parece que você vai morrer”, contou o modelo.

Ainda contando, ele disse que: “Eu não escutei meus amigos, não acreditei nas matérias que falavam sobre as consequências do uso desses cigarros eletrônicos. Por isso, se você usa esse cigarro, não espera chegar na mesma situação que eu, corte isso logo da sua vida”, finalizou assim seus vídeos.


Foto: Rapaz usando "vape" ou cigarro eletrônico/Reprodução: THE EPOCH TIMES


Entenda o que é “Vape” e seus riscos

O “vape” é como um cigarro normal, só que funciona por meio de uma bateria de íon-lítio e um espaço em que é colocado pelo usuário os aromatizantes, que possuem a nicotina, que será aquecida, inalada e expelida. No começo, esse dispositivo era para ser uma espécie de cigarro com menos substâncias perigosas para a vida de quem fuma ou deseja parar com esse vício.

O problema é que não houve muitos estudos antes, sobre seus riscos. Um deles é o momento da inalação da Nicotina, que é muito prejudicial para os pulmões. Além dessa substância, outras também são liberadas pelo vapor produzido. Outra doença muito prejudicial é a EVALI, que é uma doença pulmonar causada pelo uso desse cigarro.

Ela é causada pela substância chamada de acetato de vitamina E, que é tipo um óleo, que seria a base dos aromatizantes usados no vape. Os principais sintomas são: falta de ar, tosse, tontura, palpitação, dor no peito, cansaço, náuse, vômito e até diarreia. Vale ressaltar que esses sintomas, podem aparecer ao longo de várias semanas, após o uso e para se ter o diagnóstcio correto, é recomendada uma consulta ao médico, para iniciar o tratamento o mais rápido possível.

Foto Destaque: Influenciador e modelo Lucas Viana/Reprodução: Entretenimento-R7/ Instagram