INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Esportes

Copa Libertadores e Sul-Americana acumulam episódios de racismo

A Copa Libertadores e Sul-Americana no ano de 2023 está sendo marcadas pelos constantes episódios de racismo. Ao todo, já foram registradas nove denúncias à Conmebol, oito delas partindo de clubes brasileiros, e em apenas três casos foram aplicados punições.

O último episódio registrado e denunciado foi do Atlético-MG, no empate contra o Libertad na última terça-feira (27), no Paraguai. Torcedores do time paraguaio foram flagrados chamando o goleiro Éverson de “macaco” e fazendo gestos racistas. O Atlético registrou as imagens e enviou ao delegado da partida para dar conhecimento do ocorrido à Conmebol.


<blockquote class=”twitter-tweet”><p lang=”pt” dir=”ltr”>Everson, do Atlético-MG, foi vítima de racismo após o jogo de hoje contra o Libertad, no Paraguai.<br><br>O goleiro foi chamado de &quot;macaco&quot; por um torcedor do time paraguaio. O torcedor também fez gestos de macaco.<br><br>O Galo registrou imagens e encaminhou ao delegado da partida, para dar… <a href=”https://t.co/XyraK2p9EM”>pic.twitter.com/XyraK2p9EM</a></p>&mdash; Planeta do Futebol (@futebol_info) <a href=”https://twitter.com/futebol_info/status/1673871940346314752?ref_src=twsrc%5Etfw”>June 28, 2023</a></blockquote> <script async src=”https://platform.twitter.com/widgets.js” charset=”utf-8″></script>

Denúncia do Atlético-MG. (Reprodução/Twitter/@futebol_info)


Outros casos de racismo:

River Plate x Fluminense – Libertadores

Em 7 de junho, o Fluminense foi enfrentar o River Plate na Argentina. Torcedores argentinos foram flagrados imitando macacos para os brasileiros, antes de a partida começar. Em entrevista coletiva, o técnico, Fernando Diniz, condenou os casos de racismo e cobrou a punição da Conmebol. “Em relação aos atos de racismo, lamentável, mas não foi só aqui dentro do estádio, nas ruas também, de Bueno Aires (…) a Conmebol tem que tomar atitude em relação a isso”, declarou Diniz.

Nacional-URU x Internacional – Libertadores

Também em 7 de junho foi registrado um torcedor fazendo gestos racistas para a torcida colorada. O episódio aconteceu no Uruguai, no empate de 1 a 1. No primeiro jogo contra o Nacional, no ínicio de maio, no Beira-Rio, também foi marcado por uma série de confusões. Torcedores uruguaios imitando macacos, com banana antes de entrar no estádio, e torcedores brasileiros sendo atingidos por objetos arremessados da torcida do Nacional. A Conmebol multou o time uruguaio em R$ 500 mil.

Audax Italiano x Santos – Sul-Americana

Nesse episódio, um próprio torcedor do Santos é flagrado chamando o atacante Ângelo e o zagueiros Messias de “macaco”. No jogo fora de casa, no Chile, Ângelo também sofreu atos racistas pelos torcedores chilenos.

Racing x Flamengo – Libertadores

Torcedores argentinos fizeram gestos racistas para a torcida flamenguista, após o empate em 1 a 1. O time argentino foi punido em R$ 500 mil.

Foto destaque: Resistência Alvinegra – Torcida Organizada Antifascista do Clube Atlético Mineiro. (Reprodução/Twitter/@resistalvinegra)

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Celebridades

O cantor foi fotografado ao lado da esposa Bianca Censori. Ele estava mascarado e ela nua, sob uma capa de chuva transparente.

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...