INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Esportes

Haas anuncia Magnussen para o lugar de Mazepin

Após a rescisão do patrocínio entre Haas e Ural Kali, empresa de fertiziantes russa, por conta dos conflitos armados entre Rússia e Ucrânia e a demissão de Nikita Mazepin (Filho de Dmitry Mazepin, dono da Ural Kali) a Haas enfim anunciou seu substituto, o dinamarquês Kevin Magnussen, após uma temporada longe da categoria.

Após o final da temporada de 2020, a Haas não renovou o contrato de Magnussen justamente para dar a vaga a Mazepin, e agora o dinamarquês retorna à equipe estadunidense para fazer dupla com Mick Schumacher.

Magnussen tem 119 largadas na categoria entre 2014 e 2020, tendo feito parte de McLaren e Renault antes de se juntar a Haas. Seu melhor resultado foi justamente na sua corrida de estreia, quando conquistou a segunda posição no GP da Austrália de 2014. Foi com Magnussen ao lado do francês Romain Grosjean, que a Haas conseguiu seu o melhor resultado no campeonato de construtores, um 5º lugar na temporada de 2018. Na temporada em questão, Magnussen pontuou em 11 das 21 provas.


<blockquote class=”twitter-tweet”><p lang=”en” dir=”ltr”>Welcome back, K-Mag!  href=”https://twitter.com/KevinMagnussen?ref_src=twsrc%5Etfw”>@KevinMagnussen</a> will partner <a href=”https://twitter.com/SchumacherMick?ref_src=twsrc%5Etfw”>@SchumacherMick</a> in our 2022 driver line-up  href=”https://twitter.com/hashtag/HaasF1?src=hash&amp;ref_src=twsrc%5Etfw”>#HaasF1</a> <a href=”https://t.co/L4bz9TfMcR”>pic.twitter.com/L4bz9TfMcR</a></p>&mdash; Haas F1 Team (@HaasF1Team) <a href=”https://twitter.com/HaasF1Team/status/1501616161301184515?ref_src=twsrc%5Etfw”>March 9, 2022</a></blockquote> <script async src=”https://platform.twitter.com/widgets.js” charset=”utf-8″></script>
O anúncio oficial foi feito por meio das redes sociais da equipe. Créditos: Reprodução/Twitter/Haas


 

Após deixar a Haas, Magnussen se dedicou ao automobilismo norte-americano, tendo competido na última temporada do IMSA (Campeonato de corridas de longa duração) onde chegou a vencer uma prova, e também disputou provas esporádicas no WEC (Mundial de Endurance) e na Fórmula Indy.

A decisão pelo retorno de Magnussen, frustra os torcedores brasileiros que esperavam que Pietro Fittipaldi, atual piloto de testes da Haas, teria uma chance de disputar a temporada. O chefe da equipe, Gunter Steiner, garantiu que Pietro era a primeira opção para a vaga, já que está com a equipe desde 2019. Em 2020 Fittipaldi chegou a disputar duas provas pela Haas, ao substituir Romain Grosjean, que havia queimado as mãos gravemente em um acidente durante o GP do Bahrein.

Apesar de não conquistar a vaga, Fittipaldi,irá testar o VF-22 nos testes de pré-temporada da Fórmula 1, assim como Mick Schumacher e Kevin Magnussen. Os testes acontecerão entre os dias 10 e 12 de Março no circuito de Sakhir no Bahrein, que também será palco da abertura da temporada, no dia 20 de Março.

Foto Destaque: Magnussen durante apresentação do carro da Haas em 2020. Créditos: Reprodução/Twitter

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Celebridades

O cantor foi fotografado ao lado da esposa Bianca Censori. Ele estava mascarado e ela nua, sob uma capa de chuva transparente.

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...