INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Esportes

Mano Menezes critica decisão da CBF de contratar técnico interino para a Seleção Brasileira

A decisão da CBF de contratar um técnico interino para a Seleção Brasileira tem gerado opiniões controversas. Mano Menezes, ex-técnico da seleção, criticou a decisão da Confederação Brasileira de Futebol e disse ser uma estratégia “muito arriscada”.

Na noite de terça-feira (4), a CBF anunciou Fernando Diniz, atual técnico do Fluminense, como técnico interino da Seleção Brasileira. O contrato com Diniz será de um ano, enquanto a instituição aguarda o italiano Carlo Ancelotti. Fernando assume a Seleção, enquanto continua com a rotina normal de treinamentos com o Fluminense.

Tal decisão deixou muitos fãs e profissionais nervosos, uma vez que a o técnico não estará totalmente dedicado a Seleção Brasileira. Mano Menezes, ex-técnico da Seleção entre 2010 e 2012, afirmou, em uma entrevista a ESPN, que ter um técnico com foco dividido “é um caminho muito perigoso” e “muito arriscado”.

Embora eu tenha uma caminhada longa e quase não me surpreendo com muita coisa, confesso que eles (CBF) me surpreenderam desta vez. Eu acho isso muito arriscado. Misturar as coisas, não definir, deixar aberto, é um caminho perigoso no futebol. Ainda mais no alto nível da Seleção Brasileira. Então não consigo entender muito o que eles estão pensando e como exatamente isso vai funcionar” – disse Mano Menezes a ESPN.


 

Mano Menezes, atual técnico do Sport Club Internacional. (Foto: reprodução/Shutterstock)


Há muitas especulações sobre como será feita a divisão de treinamentos e rotinas de Fernando Diniz. Segundo Carlos Mansur, comentarista do SportTV, algumas rotinas estabelecidas por Tite, como preparação para os jogos da Seleção, serão impossíveis para Diniz colocar em prática, uma vez que não terá tempo suficiente. O comentarista cita como exemplo a rotina diária de monitorar os jogadores e realizar viagens para conversar com técnicos do exterior.

Vale lembrar que, a CBF já tomou decisões como esta outras duas vezes, uma em 1998, quando Vanderlei Luxemburgo continuou como técnico do Corinthians, enquanto treinava a Seleção Brasileira. E, em 2000, Emerson Leão substituiu Luxemburgo na liderança do canarinho, enquanto continuou seus trabalhos como técnico do Sport.

 

Foto destaque: Fernando Diniz novo técnico da Seleção Brasileira. Reprodução/Instagram/@timediniz

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Celebridades

O cantor foi fotografado ao lado da esposa Bianca Censori. Ele estava mascarado e ela nua, sob uma capa de chuva transparente.

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...