INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Esportes

Seleção polonesa elimina Brasil na Liga das Nações de Vôlei

Na tarde desta quinta-feira (20), aconteceu em Gdansk, na Polônia, as quartas de final da Liga das Nações de Voleibol Masculino, onde a seleção masculina polonesa, comandada por Sliwka, Bienek e o cubano naturalizado polonês, Leon, venceu a seleção brasileira por 3 sets a 0, com parciais de 26/24, 25/21 e 25/20.

As equipes já haviam se enfrentado uma vez na fase classificatória, com vitória por 3 a 1 de virada da Polônia. Agora, a equipe polonesa é a grande favorita no confronto, já que está jogando em sua casa e faz boa campanha. Além disso, a equipe polonesa conta com um plantel considerado excelente, com grandes nomes do vôlei mundial como Kurek, Leon, Bienek, Sliwka, Kochanowski, Semeniuk, Fornal, Kaczmarek Bednorz, todos comandados por Nikola Grbić.

Já a Seleção Masculina Brasileira ainda passa por reformulações e não pôde contar com seu jogador principal, o ponteiro Leal, durante boa parte do jogo, pois ele ainda está se recuperando de uma lesão. A seleção europeia, mesmo em um jogo com muitas polêmicas, venceu sem dificuldades a seleção brasileira e segue na disputa pelo título da Liga das Nações.

1º set equilibrado, decidido nos detalhes e com polêmicas

O primeiro set começou muito disputado, com ambas as equipes não evitando se desgarrar no marcador e ficando no máximo dois pontos à frente.

A seleção brasileira começou levemente melhor sustentado parar Kurek, e certo ponto limitando Leon, cabendo a Kochanowski chamar a responsabilidade e manter a seleção polonesa no jogo.

O Brasil se manteve na frente do placar muito graças a Alan, que fazia grande partida, e colocou 21/19, e parecia que conseguiria levar o primeiro set, porém o técnico Grbić parou a partida e, na volta, a seleção polonesa conseguiu o empate e chegou a um 24/24.

Após o 25º ponto da equipe polonesa, foi onde ocorreu uma grande polêmica do jogo: devido a um ataque de Alan explorando o bloqueio, num primeiro momento, a arbitragem havia marcado ponto brasileiro. Porém, após um desafio polonês, voltou atrás, o que culminou no desespero de Renan Dal Zotto e Bruninho, que reclamaram muito e foram aos gritos para a mesa de vídeo, o que não adiantou de nada e a Polônia levou o primeiro a ser por 26/24.


Kurek encarando o bloqueio de Bruninho e Lucão (Foto: reprodução/FIVB)


2º set com reação brasileira, mas com Sliwka imparável

No começo do segundo set foi muito perceptível o baque da seleção brasileira após o resultado do primeiro set, e foi onde a Polônia aproveitou e logo abriu grande vantagem, posicionando-se por 7/2 no placar.

O treinador brasileiro Renan Dal Zotto agiu rápido e sacou Bruninho que estava nitidamente abatido e colocou Fernando Cachopa e, contando com grande passagem de Lucão no saque, o Brasil voltou para o jogo e chegou a virar o placar.

Honorato contribuiu parando o oposto Kurek, que não estava apresentando todo seu melhor voleibol, e depois de tomar dois bloqueios seguidos, também foi substituído por Kaczmarek.

Porém após liderar por 17/16 a seleção brasileira não conseguiu manter a liderança no placar e, mesmo com Kurek no banco e Leon não tendo um dia muito inspirado, a seleção polonesa contornou com grandes saques de Bienek e Kochanowski, e com Sliwka imparável com sua canhota calibrada, para virar o jogo para 21/18, e com isso não perdeu mais a vantagem do jogo e liquidaram o segundo set por 25/21.


Honorato encarando o triplo bloqueio polonês, formado por Leon, Kochanowski e Janusz (Foto: reprodução/FIVB)


3º set com Brasil apático, Polônia se impõe e vence a partida

A seleção polonesa teve o jogo na mão desde do início do terceiro set, mesmo com o Brasil jogando o ponteiro Leal para o tudo ou nada e até mesmo conseguiu fazer frente novamente à seleção europeia, era notório a apatia dos jogadores.

Mesmo com Renan tentando algo novo, com Bruninho e Felipe Roque, a seleção polonesa sobrava na partida, imprimindo uma grande agressividade no saque, contando com a volta de Kurek na partida e com ótimas bolas transformadas de Sliwka, a Polônia fechou o set por 25/20, e conseguiu a vitória por 3 sets a 0, com isso avançando para as semifinais e eliminando a seleção brasileira, que deu adeus à Liga das Nações.


Kochanowski atacando para cima de Lucão (Foto-Reprodução/Instagram/Esportelandia)


Principais estatísticas da partida 

Maiores pontuadores:

Sliwka (POL): 16 pontos
Alan (BRA): 15 pontos
Leon (POL): 11 pontos
Bienek (POL): 10 pontos
Lucarelli (BRA): 10 pontos

Pontos de ataque:


Brasil: 35 pontos
Polônia: 37 pontos

Bloqueios:


Brasil: 5 pontos
Polônia: 10 pontos

Pontos de saque:

Brasil: 5 pontos
Polônia: 9 pontos

Erros dos adversários:


Brasil: 20 pontos
Polônia: 20 pontos

Próximos passos

Agora a equipe polonesa enfrenta nas semifinais a surpreendente seleção do Japão, que é até aqui a sensação do torneio e que  venceu a seleção da Eslovênia por 3 sets a 0, com parciais de 26/24, 25/18 e 25/22. Já a outra semifinal será entre Estados Unidos, que venceu a França, contra a Itália que, triunfou sobre a Argentina.

Por outro lado, agora o Brasil só volta a entrar em quadra no fim de agosto, entre os dias 26 e 30, para disputar o Sul-Americano, em Recife. Essa será a última competição antes do Pré-Olímpico, no Rio de Janeiro, a partir do dia 30 de setembro.

Foto destaque: Seleção Polonesa de vôlei. Reprodução/Instagram/@ultimateesportes

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × quatro =

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...

Reality

A final de A Fazenda 15 vai acontecer na quinta-feira (21). Quatro integrantes estão na disputa pelo prêmio de um milhão e meio de...