INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Money

Ativos financeiros da JBS aumentam em decorrência de resultado trimestral

Barateamento do valor do grão pode impulsionar a produção de frango

JBS em São Paulo
Foto destaque: sede da JBS situada no estado de São Paulo (Reprodução/Bloomberg/Getty Images Embed)

A JBS, empresa brasileira do setor de carnes, teve aumento de 7% nos valores das ações na última quarta-feira (15) após divulgação dos resultados obtidos no primeiro trimestre. Executivos da marca afirmam que a alta tem relação com a demanda externa por gados, principalmente em território americano, o que influência no preço alto de carne bovina no país estrangeiro.  

Líder no segmento de produção de frango, bovino, suíno e também no processamento de couro. Os líderes se dizem otimistas quanto à baixa no valor dos grãos. Desta forma, há a possibilidade de fomentar ainda mais a exportação da carne de frango, com demanda cada vez maior ao nível global.

Lucro líquido da JBS cresce se comparado com ano anterior

A JBS divulgou em relatório que atingiu lucro líquido de R$ 1,646 bilhão entre janeiro, fevereiro e março, o valor registrado supre o prejuízo de R$ 1,45 obtido neste mesmo trimestre em 2023. De acordo com analistas do maior banco de investimento da América Latina, a BTG Pactual, o faturamento pode ser relacionado ao fato que a empresa está atuando em vários países e também com oferta variada de carnes. 


Guilherme Cavalcanti é o atual diretor financeiro da empresa (Foto: reprodução/Bloomberg/Getty Images Embed)


Presente nos Estados Unidos, Austrália e Canadá, entre outras localidades, os pesquisadores da BTG citam também a “desaceleração do ciclo do gado nos EUA” como outro motivo a ser analisado. Apesar da alta momentânea, os analistas dizem que a JBS oferece uma saída assertiva para aqueles que querem investir na empresa, uma vez que tem retorno considerável e melhor risco para a aposta

Diretor financeiro espera que investimento na empresa se mantenha

Em resposta às análises conduzidas por especialistas, Guilherme Cavalcanti, CFO da empresa, apontou que o crescimento pode estabilizar nos meses vindouros. Entretanto, se a JBS alcançar 7,5% de margem líquida em 2024, a relação com dívidas e a soma dos lucros bruto pode ser afetada até o final do ano. 

Outro cenário previsto por Cavalcanti seria o crescimento em nível proporcional ao atual, o que possibilitaria a quitação de dívidas e, possivelmente, oportunidades de aquisição dentro do setor.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Celebridades

O cantor foi fotografado ao lado da esposa Bianca Censori. Ele estava mascarado e ela nua, sob uma capa de chuva transparente.

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...