INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Música

“Fantástico” homenageia a musa do samba, Alcione, no próximo domingo (25)

No próximo domingo (25), a cantora Alcione terá uma participação especial no palco do “Fantástico” para comemorar seus 50 anos de carreira. Entre os sucessos da cantora, estão as músicas “Você me vira a cabeça”, “Meu Ébano”, “Estranha Loucura”, “Sufoco” e “Loucura”.

Conhecida como Marrom, a maranhense, hoje com 75 anos de idade, irá falar sobre os altos e baixos de sua vida durante esses 50 anos de carreira. Além de ser conhecida pelas suas músicas, Alcione também arrasta uma multidão de fãs por ser uma mulher forte, feliz e de bem com a vida. Para a cantora, a pessoa forte e empoderada que se tornou hoje foi graças aos conselhos de pai. “Foi ele que nos emponderou, seu João Carlos. Ele dizia assim: minha filha, cuidado que homem quando te olhar de cara feia no primeiro dia, no segundo ele te empurra, no terceiro ele te bate”, disse a cantora em entrevista ao Fantástico.

A cantora também revelou algumas situações em que foi vítima de racismo, um dos episódios ocorreu em um hotel, onde um funcionário fez um comentário racista assim que Alcione chegou ao local. “Aí um cara chegou e falou: ih, chegou o navio negreiro. Eu não acreditei que ele estava olhando para mim dizendo isso“, relembrando o ocorrido.

A Revista Vogue também aproveitou a comemoração dos 50 anos de carreira da cantora e lançou a edição de dezembro com a musa do samba na capa. A edição dedicada à musa do samba traz um ensaio de Alcione que remete aos símbolos do Carnaval, a grande paixão de Marrom. Em entrevista à revista, Alcione faz um balanço das cinco décadas de sucesso, além de relembrar um período da sua infância. “Na infância, a gente tinha que estudar e tirar boas notas, isso o meu pai cobrava. Lá em casa, a nossa brincadeira era pegar um cabo de vassoura, aí meu irmão anunciava: ‘Com vocês, a maior cantora do mundo’. E lá ia eu cantar naquele cabo de vassoura improvisado como microfone, diante de uma plateia formada pelo pessoal lá de casa. A família era grande e me aplaudia.”


<blockquote class=”twitter-tweet”><p lang=”pt” dir=”ltr”>Alcione faz balanço dos 50 anos de carreira em capa da Vogue Brasil: &quot;Tudo o que eu queria era um palco&quot;<br><br>–&gt; <a href=”https://t.co/R1u38s7A1c”>https://t.co/R1u38s7A1c</a> <a href=”https://t.co/lptJn7QHXg”>pic.twitter.com/lptJn7QHXg</a></p>&mdash; Vogue Brasil (@voguebrasil) <a href=”https://twitter.com/voguebrasil/status/1598706872617312256?ref_src=twsrc%5Etfw”>December 2, 2022</a></blockquote> <script async src=”https://platform.twitter.com/widgets.js” charset=”utf-8″></script>

Alcione foi capa da Revista Vogue de dezembro . (Reprodução/Twitter)


O que era uma brincadeira entre irmãos se tornou o estilo de vida de Alcione, que hoje faz sucesso com suas canções pelo mundo inteiro. As músicas da artista já foi tema de personagens de novelas, como “Meu Ébano” que ficou conhecida como a música do personagem José Feitosa em “América”.

Foto destaque: Alcione completa 50 anos de carreira neste ano. Reprodução/Twitter

 

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Celebridades

O cantor foi fotografado ao lado da esposa Bianca Censori. Ele estava mascarado e ela nua, sob uma capa de chuva transparente.

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...