INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Música

Ludmilla agita tarde no Lollapalooza

É inegável que a Ludmilla é uma das maiores artistas do Brasil na atualidade. Depois de um show histórico no Rock in Rio, a artista foi escalada para o palco principal do Lollapalooza 2023 – um show teoricamente menor, num horário diferente, mas mesmo assim atraindo os olhares e subindo expectativas dos fãs para a apresentação. E Lud não decepcionou: entregou um show que mostra, mais uma vez, que ela deve ser respeitada como uma headliner.

Comemorando o lançamento do novo álbum “Vilã”, a cantora estreou no festival na tarde desse sábado, no Palco Budweiser, e, apesar de ser um dos primeiros shows do dia, com certeza será lembrado como um dos destaques. Esbanjando animação, emoção e simpatia, Ludmilla movimentou uma multidão que a observava, até mesmo aqueles que nem estavam lá por ela. “Fiz até os roqueiros com roupa toda preta se divertirem”, disse ela durante o show, se referindo aos fãs de “The 1975” e “Twenty One Pilots”, que estavam na grade aguardando as bandas. E era a mais pura verdade: quando a câmera se virava para a plateia, via-se sorrisos de todo lado, um reflexo direto da eclética carreira de hitmaker da cantora.


Ludmilla durante o show nesse Sábado. Mariana Perkin/UOL


Ecleticidade essa que, como um destaque da sua discografia, foi também um dos maiores destaques do show. Começando a performance com o funk “Favela chegou”, passando por “Rainha da favela” e “Verdinha”, o show também contou com mais calmas como “Te Amar Demais” e a parte pagode do “Numanice” (rolou até um cover de Exaltasamba). E, claro, a platéia cantou alto todas as partes: teve dança de tiktok, teve chororô, e teve muita alegria trazida pela cantora. O show contou até com participação de Bruna Guimarães, a mulher de Ludmilla, que subiu no palco para uma performance de “Maldivas”, música romântica escrita para ela, e rolou até beijo ao vivo.

Os minutos finais foram dedicados novamente ao funk, quando a cantora, que entrou atrasada no palco, já havia passado do tempo de duração do show. Com mais de dez anos de carreira, Ludmilla vive um momento bom, tendo acabado de lançar o álbum “Vilã” – novamente mudando de sonoridade, algo mais pop, segundo ela. E mais shows virão – e, quem sabe, um espaço cada vez maior nos grandes festivais, visto que nesse ainda chegaram a faltar alguns grandes hits como “Hoje” e “Bom”

O Lollapalooza continua! Hoje, 25, o festival ainda conta com shows como The 1975, Tame Impala e Twenty One Pilots. Fique ligado aqui para a cobertura completa!

 

Foto destaque: Ludmilla durante o show no Lollapalooza. Mariana Perkin/UOL

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × 4 =

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...

Reality

A final de A Fazenda 15 vai acontecer na quinta-feira (21). Quatro integrantes estão na disputa pelo prêmio de um milhão e meio de...