INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Billie Eilish durante performance de

Música

Grammy: Billie Eilish retorna ao palco da maior premiação de música do ano

A artista encantou a plateia com uma apresentação poderosa e emocionante de “What Was I Made For?”, ao lado de seu irmão Finneas no piano

No último domingo (04), a cantora Billie Eilish fez um retorno triunfante ao palco da maior premiação de música, o Grammy, envolvendo a plateia e aos fãs que acompanharam do sofá de casa, em uma poderosa interpretação de “What Was I Made For?”, a envolvente trilha sonora do mundo encantado de “Barbie” (2023). Marcando sua terceira apresentação no prestigiado evento, a artista não só cativou o público com sua voz suave, mas também conseguiu evocar lágrimas, tocando os corações de todos que estavam presentes fisicamente e à distância.

Antes de conquistar o palco com sua performance envolvente, Billie Eilish já havia garantido o conceituado gramofone de “Melhor Canção para Mídia Visual”. Sua composição, parte intrigante da trilha sonora do filme de Greta Gerwig, foi o ponto alto da noite. Acompanhada pelo talentoso irmão Finneas no piano, Eilish presentou a audiência com uma apresentação profunda e emotiva, entrelaçando vocais poderosos que ecoaram no ambiente, resultando em uma ovação de pé por parte dos ilustres convidados.

Homenagem a Barbie Poodle Parade

Seguindo a elegância de Margot Robbie, Billie Eilish deslumbrou a plateia com um visual totalmente retrô, uma homenagem à icônica Barbie Poodle Parade de 1965. Seu figurino não apenas evocou a essência do filme que deu vida ao hit, mas também incorporou elementos marcantes do próprio videoclipe, elevando ainda mais a experiência visual e transportando o público para uma era de encanto e estilo.


Billie Eilish cantando “What Was I Made For?”, single do filme “Barbie”, ao lado de seu irmão Finneas (Vídeo: reprodução/X/@billiemidias)

A jornada de Billie Eilish nos Grammys

Este ano, a artista brilhou com seis indicações ao Grammy. “What Was I Made For?” disputou nas categorias de “Música do Ano”, “Melhor Clipe”, “Melhor Performance de Pop Solo” e “Melhor Trilha Sonora para Mídia Visual”. Além disso, Billie Eilish marcou presença na categoria de “Melhor Performance Pop em Grupo” com a colaboração envolvente em “Never Felt So Alone”, ao lado do cantor Labrinth.

Com uma carreira notável, Billie Eilish acumula oito Grammys conquistados e impressionantes 17 indicações ao cobiçado gramofone de ouro. Além do mais, ela deixou sua marca como a artista mais jovem a triunfar nas prestigiadas categorias do “General Field”, feito impressionante alcançado em 2020. Um legado de sucesso que continua a solidificar sua posição como uma das artistas mais influentes e talentosas da indústria musical.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Celebridades

O cantor foi fotografado ao lado da esposa Bianca Censori. Ele estava mascarado e ela nua, sob uma capa de chuva transparente.

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...