INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Notícias

Câmara dos EUA aprova inquérito de impeachment contra Joe Biden

Câmara dos EUA aprova inquérito de impeachment contra Joe Biden

Nesta quarta-feira (13), a Câmara de Deputados dos Estados Unidos votou formalmente para iniciar uma investigação de impeachment contra o presidente norte-americano Joe Biden. Com 221 votos a favor e 212 contra, a comissão aprovou o pedido e agora a Cãmara poderá intimar testemunhas em busca de evidências de que Biden usou sua influência para beneficiar seu filho Hunter Biden e ter supostamente lucrado com os negócios do seu filho.


Câmara dos EUA aprova inquérito de impeachment contra Joe Biden

O presidente Joe Biden e seu filho Hunter Biden em jogo de Basquete (foto: reprodução/Jonathan Ernst/Reuters/O Globo) 


De acordo com o G1, especialistas dizem que o motivo da tentativa de impeachment contra Joe Biden é diferente das já presenciadas na história da política americana, pois não há evidências de irregularidades e as acusações costumam ser de fatos ocorridos no exercício da função de presidente da república.  

Pedido de impeachment sem provas 

No caso de Biden ainda não foram encontradas provas do crime que está sendo acusado pela oposição, que o acusam de se beneficiar indevidamente dos negócios de seu filho Hunter quando ainda era vice-presidente de Barack Obama. O inquérito foi aberto em setembro deste ano. 

Em resposta, a Casa Branca diz que a investigação é infundada e está sendo realizada por motivos políticos, já que a maioria dos deputados da Câmara são republicanos (partido de oposição do presidente Joe Biden).  

Andamento das investigações 

A decisão não deve conseguir remover Joe da presidência, pois mesmo com a aprovação da Câmara e o depoimento das testemunhas convocadas, o Senado precisa votar para condená-lo para que o processo de impeachment aconteça. O último presidente que fez história sofrendo impeachment duas vezes foi Donald Trump. A primeira em 2019, quando foi acusado de interferir na eleição de 2020 para favorecer sua reeleição, e a segunda foi no fim de seu mandato em 2021, quando foi acusado de tentar reverter a contagem de votos na sua derrota contra Joe Biden. 

 

Foto destaque: Presidente dos EUA Joe Biden em seu Instagram (Reprodução/Instagram/@joebiden) 

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Celebridades

O cantor foi fotografado ao lado da esposa Bianca Censori. Ele estava mascarado e ela nua, sob uma capa de chuva transparente.

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...