INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Notícias

Conheça os brasileiros que entraram para a lista dos mais influentes da Time

A revista norte-americana Time, uma das mais conhecidas publicações semanais do mundo, lançou nesta segunda-feira (23) a lista das 100 pessoas mais influentes de 2022. Além da ativista indígena Sônia Guajajara e outros grandes nomes do mundo da arte, política, esporte e ciência, está Tulio de Oliveira, o cientista brasileiro que chefiou a pesquisa sul-africana responsável pela descoberta da variante ômicron do coronavírus, em novembro do ano passado.

A relação das personalidades, divulgadas também inclui nomes como Volodymyr Zelensky, presidente da Ucrânia, Dmitry Muratov, jornalista russo e Nobel da Paz em 2021, Ketanji Brown Jackson, a primeira mulher negra nomeada para a Suprema Corte dos Estados Unidos, e as jogadoras de futebol dos EUA, Megan Rapinoe, Becky Sauerbrunn e Alex Morgan.

Sônia Guajajara é a atual coordenadora da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil pela Amazônia (Apib), e líder indígena, ela foi candidata a vice-presidente pelo PSOL em 2018.


Sônia Guajajara é uma indígena maranhense, que se destaca pelo ativismos indígena e ambiental. (Reprodução/Revista Galileu)


Em abril do ano passado, Guajajara foi intimada pela Polícia Federal a prestar depoimento por conta de críticas que a ativista fez ao governo federal pela falta de apoio à população indígena em um documentário. Um mês depois, o inquérito foi arquivado.

Outro brasileiro que integra a lista das pessoas mais influentes de 2022, é o Tulio de Oliveira, responsável por sequenciar a variante ômicron do coronavírus na África do Sul, o brasileiro foi um dos primeiros a alertar para a gravidade da nova cepa.

Diretor do Centro para Respostas e Inovação em Epidemias (CERI) na África do Sul, onde vive desde 1997, ele ganhou destaque ao chefiar uma das equipes envolvidas na descoberta da variante ômicron do coronavírus no país e por compartilhou os dados com a Organização Mundial da Saúde (OMS).

A revista Time afirma que a descoberta de Tulio foi “um momento de transformação e mudança de paradigma, e que simboliza como a excelência na ciência pode ser originada na África”.

Foto destaque: LÍder indígena Sônia Guajajara e pesquisador Tulio de Oliveira integram a prestigiada lista da revista norte-americana. Reprodução/G1

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 + 6 =

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...

Reality

A final de A Fazenda 15 vai acontecer na quinta-feira (21). Quatro integrantes estão na disputa pelo prêmio de um milhão e meio de...