INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Notícias

Homem é indiciado por latrocínio contra pintor em Morada Nova de Minas

A assessoria de comunicação da corporação afirma que a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) indiciou nesta quinta-feira (17) um homem, de 33 anos, indiciado pelo crime de latrocínio feito contra um pintor, de 41 anos, no dia 26 de outubro, em Morada Nova de Minas.

A Polícia Militar (PM) havia sido chamada no local para averiguar um forte odor que vinha de dentro de um imóvel no Centro onde localizaram o corpo da vítima em um avançado estado de decomposição e com as mãos amarradas para trás, mais tarde com reconhecimento feito por familiares. O laudo feito da necropsia apontou como causa da morte asfixia por enforcamento.

As suspeitas de autoria logo recaíram sobre o investigado, de 33 anos, que era quem morava com a vítima, no endereço onde se deram os fatos, uma vez que ambos foram contratados para um serviço de pintura na cidade”, revelou o delegado responsável pelo inquérito policial, Edilson Carlos Lima Correa Junior.

Apurações mais a fundo recém reveladas indicam que o suspeito teria ainda enrolado uma camisa no pescoço da vítima para asfixiá-la. Sinais de agressão também foram identificados na cabeça da vítima, e o veículo e celular foram subtraídos.

Este último, como revelado nas investigações, teria sido usado pela vítima para realizar várias transações bancárias sob ameaça, tendo como beneficiários indivíduos residentes em Pitangui, de onde o suspeito é natural. Ao todo, R$ 9 mil foram transferidos. Os beneficiários das transferências confirmaram em precatória de que receberam sim os valores investigados.


Delegacia da Polícia Civil (Foto: Reprodução / G Notícias)


O suspeito já havia sido posto em prisão preventiva pela polícia no dia 31 de Outubro. Logo após ser apreendido com o carro da vítima, na cidade São Thomé das Letras, sendo diretamente encaminhado à Delegacia de Polícia Civil em Três Corações, onde também foi autuado em flagrante por receptação e outros crimes.

O suspeito também confessou que a motivação do crime se deu em razão da vítima ter supostamente sido contratada para matá-lo. Ele ainda informou que escreveu na parede do local do crime a frase ‘Pé de pato morre assim’, e esclareceu que esta é a forma como são chamados os assassinos de aluguel”, explicou o Delegado Edilson

Em depoimento, o delegado ainda revelou que o suspeito admitiu ter torturado a vítima durante o assalto para que ela o fornecesse a senha para realizar as transferências bancárias.

 

Foto Destaque: Polícia Civil em apreensão (Foto: Reprodução / OPOVO)

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × um =

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...

Reality

A final de A Fazenda 15 vai acontecer na quinta-feira (21). Quatro integrantes estão na disputa pelo prêmio de um milhão e meio de...