INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Notícias

Incêndio atinge prédio ao lado do Ministério do Trabalho na Argentina

Incêndio atinge prédio ao lado do Ministério do Trabalho na Argentina

Nesta terça-feira (12), um incêndio atingiu um prédio ao lado do Ministério do Trabalho da Nação, localizado no centro de Buenos Aires, na Argentina. Segundo o La Nación, o incêndio teria começado em escritórios do Poder Judiciário, nos sexto e sétimos andares do prédio, e deixou ao menos 7 pessoas presas entre os 10º e o 12º andares.

Resgates

15 ambulâncias do Serviço de Atendimento Médico de Emergência (SAME) estiveram no local para auxiliar as pessoas, além de equipes dos bombeiros e da polícia da cidade. Cinco pessoas foram assistidas no local, recebendo oxigênio, e outras cinco foram encaminhadas para hospitais: uma mãe e seu bebê, para o Hospital Elizalde, e três adultos para o Hospital Argerich.

Em imagens nas redes sociais, é possível ver as chamas surgindo do sexto andar e se espalhando rapidamente para o sétimo, enquanto uma grande coluna de fumaça preta se eleva sobre o prédio de 14 andares.


Incêndio atinge prédio ao lado do Ministério do Trabalho na ArgentinaIncêndio atinge prédio ao lado do Ministério do Trabalho, na Argentina. (Foto: reprodução/UOL)


No momento, bombeiros tentam resgatar as pessoas que ficaram presas nos últimos andares do prédio.

Manifestação por salário mínimo

Mais cedo, na porta do antigo Ministério do Trabalho (agora rebaixado à Secretaria), o Movimento pela Dignidade Juvenil de Esquerda (MIJD, em espanhol), liderado por Raúl Aníbal Castells, se reuniu pedindo pelo aumento do salário mínimo vital e móvel para 350 mil pesos (em média, R$4,7 mil). A manifestação ocorreu pacificamente até o início do incêndio.


Incêndio atinge prédio ao lado do Ministério do Trabalho na ArgentinaMIJD se reúne em frente ao Ministério do Trabalho para exigir aumento do salário mínimo. (Reprodução/O Globo)


“Faltam 12 dias para a véspera de natal. Para 25 milhões de pessoas neste país, não há a possibilidade de montar uma mesa com comida para as festas.”, disse Castells. No entanto, segundo um discurso do atual presidente da Argentina, Javier Milei, “quem bloqueia as ruas não recebe”, fala reforçada por Manuel Adorni, porta-voz presidencial.

Às vésperas das eleições de novembro, o ex-ministro Sergio Massa anunciou a transferência da administração dos programas sociais do Ministério do Desenvolvimento Social para a atual Secretaria do Trabalho.

 

 

Foto destaque: Prédio ao lado do Ministério do Trabalho, na Argentina, pega fogo e deixa pelo menos cinco pessoas hospitalizadas. (Reprodução/O Globo)

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Celebridades

O cantor foi fotografado ao lado da esposa Bianca Censori. Ele estava mascarado e ela nua, sob uma capa de chuva transparente.

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...