INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Notícias

Lula afirma que fechará clubes de tiros particulares e manterá os de organizações policiais

Lula afirma que fechará clubes de tiros particulares e manterá os de organizações policiais

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse, na manhã desta terça (25), durante uma live no programa semanal “Conversa com o Presidente“, através do jornalista Marcos Uchôa e transmitido pelo Canal Gov, para “fechar quase todos” os clubes de tiro do país, em junção ao decreto lançado na última sexta (21), para restringir o acesso a armas por pessoas comuns.

Na live que teve picos de 4,7 mil pessoas assistindo simultaneamente, o presidente retratou ao Ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, que eles devem fechar quase todos os clubes de tiro e só deixar abertos aqueles de jurisdição da Polícia Militar, do Exército ou da Polícia Civil.

Declarações da live

É organização policial que tem que ter lugar para atirar, para treinar tiro. Não é a sociedade brasileira. Nós não estamos preparando uma revolução. Eles tentaram dar um golpe, nós não. Nós queremos é fortalecer a democracia”, disse o atual presidente em live.

O mandatário disse que por não está preparando uma revolução, não é necessário o armamento a população. Onde ele questionou: “o que ele [o cidadão] vai fazer? Vai fazer coleção? Brincar de dar tiro?”.

Lula afirmou ainda que a flexibilização permitida no governo do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) para liberação de armas aos civis seria “para agradar o crime organizado”, porque o “pobre trabalhador não está nem conseguindo comprar comida, material escolar”. “Como essas pessoas que vão conseguir comprar fuzil, pistola?”, completou nos questionamentos.

Continuou declarando, que “um empresário que tem um lugar para praticar tiro não é um empresário”, porque com a facilitação da liberação de armas “quem consegue comprar é o crime organizado e gente que tem dinheiro”.


Lula afirma que fechará clubes de tiros particulares e manterá os de organizações policiais

Homem disparando uma arma em um clube de tiro (Foto: Reprodução/Agência Senad/Edilson Rodrigues)


Novo decreto, novas regras

Na sexta-feira (21), Lula editou novas regras sobre o controle “responsável” de armas no país, durante cerimonia no Palácio do Planalto, lançando o Programa de Ação na Segurança (PAS), que visa o fortalecimento da segurança pública do país, do acesso e circulação de armas.

Em um dos trechos do novo decreto restritivo, passa a responsabilidade da fiscalização dos chamados CACs (caçadores, atiradores e colecionadores) para a Polícia Federal, o que era até então atribuição do Exército.

O decreto desfez as principais mudanças colocadas em prática pelo governo anterior para o setor e impossibilitar a concessão de novos registros para atiradores e na compra de determinados tipos de armamentos que antes eram adquiridos normalmente.

 

Foto destaque: Lula no lançamento do Programa de Ação na Segurança. Reprodução/Agencia Brasil/Marcelo Camargo

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Celebridades

O cantor foi fotografado ao lado da esposa Bianca Censori. Ele estava mascarado e ela nua, sob uma capa de chuva transparente.

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...