INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Notícias

Pão francês fica mais caro com alta no preço do trigo

O pão francês, tão comum no café da manhã dos brasileiros, sofre um aumento de 20% no preço final. Esse aumento é uma das consequências da guerra entre a Rússia e a Ucrânia, dois importantes exportadores do cereal. Juntos, os dois países respondem por cerca de 30% das exportações mundiais de trigo. E não é só o pão que terá preços reajustados, vários alimentos têm trigo na composição e vão subir também, entre eles o óleo de soja.

O conflito afeta não só a produção, mas toda a logística de exportação, os portos estão fechados, o transporte está parado e, somado a isso, há sanções econômicas contra a Rússia. Com todos esses fatores, a demanda supera a oferta em escala global e, conforme as leis de mercado, quando isso acontece, o primeiro impacto é um aumento no preço de produtos.


O quilo do pão francês já tem sido vendido entre R$ 15,00 e R$ 20,00. (Reprodução/Blog Famiglia)


A Associação Brasileira das Indústrias de Biscoitos, Massas Alimentícias e Pães & Bolos Industrializados (Abimapi), explica que o Brasil produz menos da metade do trigo consumido e precisa importar grandes quantidades do grão de países como a Argentina, Canadá e os Estados Unidos. O aumento do preço do trigo, para a Associação, impacta diretamente os valores de produção para os fabricantes de produtos como biscoitos, massas e bolos. A AbimapiI frisa que, nas massas, em média, 70% do custo é de farinha. Nos biscoitos, o peso é de 30%, e nos pães e bolos industrializados, de 60%.

O embaixador Rubens Barbosa, presidente executivo da Associação Brasileira da Indústria do Trigo (Abitrigo), que reúne os moinhos, relatou que, nos últimos meses, antes da guerra, o preço da farinha já tinha registrado alta de 10% em razão da valorização do trigo no mercado internacional. Ele observou que os moinhos não compraram o grão nos primeiros três meses deste ano porque estavam estocados.

Agora, no entanto, com a disparada da cotação do trigo por causa da guerra, o presidente da Abitrigo disse que os preços da farinha vão depender da política de cada empresa. “O mercado está muito volátil, não sabemos quanto tempo a guerra vai durar.”

 

Foto destaque: Pão francês aumentou cerca de 16,4% nos últimos 12 meses, segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Reprodução/Sabor na Mesa.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Celebridades

O cantor foi fotografado ao lado da esposa Bianca Censori. Ele estava mascarado e ela nua, sob uma capa de chuva transparente.

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...