INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Notícias

Queda do combustível é registrada pela nona vez consecutiva

De acordo com a ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis), os valores cobrados pelos preços da gasolina, do diesel e do etanol voltaram a ter queda durante esta semana, foi o nono declínio consecutivo registrado pela agência. O preço médio do litro da gasolina foi de R$ 5,40 para R$ 5,25, redução de 2,8%. 


Bombas de abastecimento (Reprodução/ CDB)


Queda da preços

A redução dos custos com combustível é resultado da limitação do Imposto sobre Mercadorias e Serviços e Serviços (ICMS) adotado pelos estados após o projeto que cria um imposto sobre coisas como diesel, gasolina, energia elétrica, telecomunicações e transporte público. De acordo com o texto, essas coisas são classificadas como importantes e essenciais. Os estados cobram uma tarifa mais alta que a tarifa padrão, que varia de 17% a 18%, dependendo.  Até então, o combustível e outros benefícios para o projeto eram considerados acima do devido em alguns estados, como Minas Gerais chegava em 31%. Na semana passada a Petrobrás baixou o preço da gasolina passará de R$ 3,71 a R$ 3,53.

 

Alíquotas do ICMS sobre o combustível antes e depois do projeto que delimitou de teto:

Estado Alíquota anterior Alíquota atual
Acre 25% 17%
Alagoas 29% 17%
Amapá 25% 18%
Amazonas 25% 18%
Ceará 29% 18%
Distrito Federal 27% 18%
Espírito Santo 27% 17%
Goiás 30% 17% (gasolina e etanol)
14% (diesel)
Mato Grosso 23% 17%
Mato Grosso do Sul 30% 17%
Minas Gerais 31% 18%
Pará 28% 17%
Paraíba 29% 18%
Paraná 29% 18%
Pernambuco 29% 18%
Piauí 31% 18%
Rio de Janeiro 32% 18%
Rio Grande do Norte 29% 18%
Rio Grande do Sul 30% 17%
Rondônia 26% 17,5% (gasolina)
17% (diesel)
Roraima 25% 17%
Santa Catarina 25% 17%
São Paulo 25% 18%
Sergipe 29% 18%
Tocantins 29% 18%

 

Com relação ao diesel o preço do litro terá redução de 0,03%, passou de R$ 7,44 para R$ 7,42. O valor mais alto encontrado foi de R$ 9,00. O Etanol também seguiu a tendência de queda saindo de R$4,32 para R$4,21, queda total de 25%, o teto máximo encontrado por litro foi de R$ 6,99. De acordo com a ANP “Essa redução acompanha a evolução dos preços de referência, que se estabilizaram em patamar inferior para a gasolina, e é coerente com a prática de preços da Petrobras, que busca o equilíbrio dos seus preços com o mercado global, mas sem o repasse para os preços internos da volatilidade conjuntural das cotações internacionais e da taxa de câmbio”, destacou a Agência, que apurou os valores em mais de 5 mil postos pelo Brasil, durante esta semana.

Foto destaque: Válvula para abastecimento de veículos (Reprodução/ Site: ANTT)

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − 7 =

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...

Reality

A final de A Fazenda 15 vai acontecer na quinta-feira (21). Quatro integrantes estão na disputa pelo prêmio de um milhão e meio de...