INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Notícias

Região do Rio Grande do Sul permanece sem energia elétrica após chuva

Região do Rio Grande do Sul permanece sem energia elétrica após chuva

Um total de 574 mil pessoas que ficaram sem acesso à energia elétrica em decorrência da tempestade no Rio Grande do Sul nesta terça-feira (16). Já nesta quinta-feira (18), ainda são 416 mil sem fornecimento de luz em suas casas, e a capital do estado, Porto Alegre, decretou situação de emergência.

Conforme as concessionárias tem informado a situação, do número registrado, 272 mil são atendidos pela Rio Grande Energia (RGE) e 144 mil atendidos pela Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE). Do número somado, a maioria dos clientes sem abastecimento de energia elétrica so localizam na Região Metropolitana – onde estão, no mínimo, 170 mil clientes.

A estimativa é de que até sábado (20), todos os consumidores tenham a rede elétrica reestabelecida. Com o apagão persistindo por tanto tempo, foram presenciadas cenas como pessoas indo para shoppings em Porto Alegre para carregar os celulares e tentar conseguir conexão à internet, além de supermercados com escassez de velas e gelo devido à alta procura.


Chuvas fortes são registadas no Rio Grande do Sul (Foto: reprodução/Youtube/UOL)


Normalização da energia

Em comunicado durante a quarta-feira (17), o governador do Rio Grande do Sul cobrou as fornecedoras de energia elétrica sobre a situação. “O que a empresa precisa fazer, além de garantir o atendimento e o restabelecimento o mais rápido possível, é também se relacionar adequadamente,” afirmou o governador Eduardo Leite (PSDB). “Eu fiz um contato com o presidente do Grupo CEEE Equatorial aqui para demandar exatamente isso.” 

Por todo o estado, as prefeituras e municípios tem emitido demandas similares, além de decretar estados de emergência. Nos útlimos dois dias a situação elétrica foi normalizada apenas para cerca de 150 mil pessoas, enquanto que a recuperação completa da rede ainda não tem prazo certo, embora as fornecedoras tenham assegurado de que estão trabalhando para entregar uma resolução.


Foram mais de meio milhão de pessoas sem energia elétrica por causa da tempestade no Sul. Foram mais de meio milhão de pessoas sem energia elétrica por causa da tempestade no Sul (Foto: reprodução/CNN)


Rio de Janeiro e São Paulo

Para além do Rio Grande do Sul, um ciclone se formou no litoral do estado após a tempestade de terça-feira, e ele pode trazer chuvas fortes para outras regiões do país, como Rio de Janeiro e São Paulo. “O ciclone pode também ser chamado de centro de baixa pressão e tem uma tendência de formar uma frente fria. Com isso, pode proporcionar chuvas e tempo severo nessas áreas,” explicou Andrea Ramos, meteorologista do Inmet. “O ciclone facilita a formação de cavados, que geram áreas de instabilidade e podem manter chuvas em São Paulo, Rio de Janeiro e sul e centro de Minas, principalmente no final de semana.

No entanto, mesmo no período de risco, as temperaturas devem permanecer altas na região devido ao fenômeno El Niño.

 

Foto destaque: foram registrados mais de 100 milímetros de chuva e ventos com de mais de 100 km/h (Reprodução/x/@Prefeitura_POA)

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Celebridades

O cantor foi fotografado ao lado da esposa Bianca Censori. Ele estava mascarado e ela nua, sob uma capa de chuva transparente.

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...