INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Notícias

Ex-presidente Jair Bolsonaro é alvo de operação da PF iniciada nesta quinta-feira

Polícia Federal iniciou na manhã desta quinta-feira (08) uma operação que tem como intenção apurar grupo criminoso que esquematizava um Golpe de Estado

Jair Bolsonaro
Foto destaque: ex-presidente Jair Bolsonaro (reprodução/otempo/Valter Campanato)

Na manhã desta quinta-feira (08), a Polícia Federal iniciou uma operação em dez estados com a intenção de apurar quais pessoas estavam envolvidas na tentativa de golpe de Estado e abolição do Estado democrático de Direito. Jair Bolsonaro é um dos alvos desta investigação.

Deverá permanecer no Brasil

Fabio Wajngarten, ex-ministro de Jair Bolsonaro, informou através do X (antigo Twitter) que Bolsonaro teve de entregar seu passaporte às autoridades. “Em cumprimento às decisões de hoje, o Presidente @jairbolsonaro entregará o passaporte às autoridades competentes. Já determinou que seu auxiliar direto, que foi alvo da mesma decisão, que se encontrava em Mambucaba, retorne para sua casa em Brasília, atendendo a ordem de não manter contato com os demais investigados.”


Ex-presidente Jair Bolsonaro é alvo de operação da PF iniciada nesta quinta-feira
Agentes da Polícia Federal (foto: reprodução/blog.focusconcursos)

A Polícia Federal informou que no total são cumpridos 33 mandados de busca e apreensão, 48 medidas cautelares e quatro mandados de prisão preventiva. Nesta mesma manhã em que a operação foi iniciada, dois ex-assessores de Bolsonaro já foram presos: Marcelo Câmara e Felipe Martins.

Além do próprio ex-presidente, outros aliados do mesmo como Braga Netto, Augusto Heleno e Valdemar Costa Neto também são alvos da investigação. É válido ressaltar que a PF também foi a casa de Anderson Torres, ex-ministro da Justiça de Bolsonaro.

Divisão entre núcleos

A PF analisou que o grupo criminoso se dividiu em núcleos que tinham a intenção de disseminar a ocorrência de fraude nas Eleições Presidenciais de 2022, mais especificamente seis núcleos. O núcleo 1 era responsável por divulgar e estender notícias falsas sobre a franqueza das eleições presidenciais de 2022; já o núcleo 2 tinha o papel de incitar militares ao golpe; o núcleo 3 realizava uma atuação jurídica, agindo na elaboração de decretos benéficos ao grupo; o núcleo 4, por sua vez, atuava em reuniões de planejamento e execução de atos com relação a manter as manifestações em frente aos quartéis militares.

O núcleo 5 era um setor que atuava na coleta de dados que pudessem proporcionar auxílio ou vantagem nas tomadas de decisão do grupo e do presidente eleito no ato do Golpe de Estado; sendo por fim o núcleo 6 formado por oficiais de alta patente que tinham como função influenciar e fornecer apoio aos integrantes dos outros núcleos.

A operação da Polícia Federal está sendo realizada nos estados: Amazonas, Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Ceará, Espírito Santo, Paraná, Goiás e no Distrito Federal . É válido ressaltar que o Exército Brasileiro está fazendo o acompanhamento no cumprimento de alguns mandatos, manifestando apoio à PF.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Celebridades

O cantor foi fotografado ao lado da esposa Bianca Censori. Ele estava mascarado e ela nua, sob uma capa de chuva transparente.

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...