Celebridades

Adele interrompe entrevista por jornalista não ter escutado seu álbum novo

23 Nov 2021 - 16h22 | Atulizado em 23 Nov 2021 - 16h22
Adele interrompe entrevista por jornalista não ter escutado seu álbum novo

Segundo o portal Page Six, a cantora teria feito uma negociação de US$ 725 mil para ter esse bate-papo. Durante a conversa, Adele perguntou ao entrevistador o que ele achou de suas novas composições, e ele disse não ter escutado. Após isso Adele se recusou a seguir com a entrevista. E, a Sony proibiu que o canal transmitisse o show, sendo assim, a Austrália foi o único país que não teve uma exclusiva do álbum (30).

"Quando eu me sentei para entrevistar Adele, não sabia que havia recebido por e-mail uma prévia de seu álbum inédito. Foi um descuido, mas não um desprezo deliberado. Este é o e-mail mais importante que já perdi", disse Doran.

Entretanto, ele acrescentou que diferente do que disseraM, ela não saiu "furiosa" da sala, contou o Jornalista.

Vale lembrar, que a cantora se envolveu em outra polêmica essa semana ao ser acusada de plagiar "Eu te amo" do Chico Buarque, com sua música "To be loved" e essa não foi primeira vez que Adele foi acusada por internautas de plagiar a música de alguém. Entretenimento, a equipe de Chico se pronunciou dizendo que a música de Adele não pode ser considerada um plágio da composição de Chico e Tom Jobim, e tudo ficou esclarecido.


                                       

(Reprodução: YouTube)


A cantora soma quase 46 milhões de seguidores em seu instagram, e seu novo álbum, intitulado (30) é composto por 12 músicas, incluindo "Easy on me" música feita para seu filho saber quando for mais velho, como ela se sentiu sobre o divórcio com o pai dele, e que também não foi fácil para ela.

O álbum está dentre os mais ouvidos no Spotify, e a cantora pediu para tirarem o botão de reprodução automática dele, e o pedido foi atendido prontamente.

 

Foto Destaque: Adele.Reprodução/Vogue