Esportes

Após elogiar o desempenho da equipe, Renato Gaúcho afirma que Flamengo não está disputando o título diretamente por erros da arbitragem

21 Nov 2021 - 13h24 | Atulizado em 21 Nov 2021 - 13h24
Após elogiar o desempenho da equipe, Renato Gaúcho afirma que Flamengo não está disputando o título diretamente por erros da arbitragem

Com dois gols logo no início da partida, o Flamengo venceu o Internacional no último sábado (20) por 2 a 1. Este foi o penúltimo jogo do Rubro-Negro antes da final da Libertadores, que acontece no dia 27 de novembro. Em coletiva de imprensa após a vitória, o treinador Renato Gaúcho alegou que o principal motivo para a equipe não estar disputando diretamente o título do Campeonato Brasileiro são os “erros claríssimos de arbitragem”.

 

Eu, sinceramente, gostei da arbitragem hoje, mas tivemos um lance claro de pênalti sobre o Everton, mas não adianta, é nadar contra a maré. É chover no molhado. A única pergunta que faço aos especialistas é por que o VAR não chamou o árbitro? Simples, não adianta. Falo isso há três, quatro anos: quem apita o jogo é o VAR. Infelizmente é o VAR. Não é possível que ele tem todas as imagens e que não viu o pênalti no Everton. O jogo estava em 2 a 0, poderíamos ter feito o terceiro e eliminar a partida”, declarou Renato insatisfeito.

 

O treinador também falou sobre a chance do título no Brasileirão e a interferência dos erros de arbitragem. “O Flamengo hoje não está disputando o título justamente pelos erros de arbitragem claríssimos. Todo mundo viu. No mais, ele se comportou bem, só acho que o VAR poderia ter chamado o árbitro no lance do Everton”.


Time do Flamengo comemora gol no início da partida contra o Internacional. (Reprodução/ Alexandre Vidal)


 

Em relação ao resultado do jogo, o técnico se mostrou satisfeito e afirmou que era o que os atletas estavam buscando. Mas, lembrou que precisa ficar alerta em relação a quantidade de gols perdidos, principalmente porque a partida foi usada como teste antes do duelo contra o Palmeiras em Montevidéu.

https://inmagazine.ig.com.br/post/Flamengo-tem-apoio-de-seus-torcedores-antes-da-final-da-Libertadores

https://inmagazine.ig.com.br/post/Nikao-marca-golaco-e-Athletico-e-campeao-da-copa-Sul-americana

https://inmagazine.ig.com.br/post/No-Catar-Hamilton-usa-capacete-com-as-cores-do-arco-iris-em-apoio-a-causa-LGBTQI

 

Acho que o mais importante de tudo foi a entrega da equipe, independentemente se foi o último ensaio ou não. Desde o início o Flamengo buscou a vitória, criou as melhores oportunidades, soube valorizar a posse de bola. Criamos, poderíamos ter decidido o jogo no primeiro tempo ainda, tivemos situações claras além dos gols que fizemos. E infelizmente levamos um gol no fim do primeiro tempo, isso fez com o que o adversário crescesse. O segundo tempo foi bastante disputado, as duas equipes criaram bastante oportunidades, mas acho que no final valeu pela apresentação. Fiquei muito satisfeito pelo que a equipe apresentou, principalmente pelo primeiro tempo”.

 

Foto destaque: Renato Gaúcho durante treino do Flamengo. Reprodução/ Marcelo Cortes.