Saúde e Bem Estar

Aprenda como controlar e acalmar a ansiedade sem remédios

17 Mar 2022 - 17h23 | Atulizado em 17 Mar 2022 - 17h23
Aprenda como controlar e acalmar a ansiedade sem remédios

Conhecida como o novo mal do século em conjunto de outras doenças psicológicas, a ansiedade causa grandes transtornos mas possui soluções acessíveis e simples que podem minimizar e até evitar crises. Meditação, prática de exercícios respiratórios como os Pranayamas e autoconhecimento podem facilitar o caminho para compreensão dos gatilhos que causam o desconforto.

De acordo com o R7, a OMS registrou em 2019 mais de 18 milhões de brasileiros com ansiedade, fazendo do país líder da doença. Nos dias de hoje, onde as pessoas usam pelo menos 2 telas ao mesmo, maior exposição a luz azuladas e há uma grande pressão sobre trabalho e produtividade, fica cada vez mais difícil conseguir manter o foco e atenção plena por isso, há alguns métodos que podem ser seguidos para treinar a mente ansiosa a conseguir contornar uma crise em potencial e evitar outras.

LEIA MAIS

A meditação, prática que se ganhou força e popularidade na pandemia, consiste no exercício de atenção plena ao que se está fazendo, ao local onde se está ou com quem, podendo também ser aplicada a atenção aos pensamentos, maior causa do início dos transtornos tendo em vista que a ansiedade é conflito emocional. Podendo ser estimulados por situações de grande estresse, sentimentos mal resolvidos sobre si ou outras pessoas., por exemplo.

Entre seus benefícios pode citar a redução do estresse, aumento de foco, autoconfiança, diminuição de dores físicas e mentais, melhoria na memória e bem estar em geral.

Inclusive, há também os Pranayamas, exercícios respiratórios repetitivos da prática de Yoga, que consistem em trazer a atenção para o corpo através das sensações. Por último, mas não menos importante, o autoconhecimento, onde a pessoa pode trabalhar a capacidade de se entender, reconhecendo pensamentos e sentimentos por ser ansiedade iniciada no campo mental e só depois sentida no físico. É recomendado pelos profissionais o conjunto dessas ações associadas ao tratamento psicológico, como terapia.

 

Foto Destaque: Imagem de María Prieto por Pixabay