Esportes

Athletico acerta as contratações de Pablo, Marlos e Vitor Bueno

01 Fev 2022 - 21h27 | Atulizado em 01 Fev 2022 - 21h27
Athletico acerta as contratações de Pablo, Marlos e Vitor Bueno

O Athletico acertou o retorno do atacante Pablo e as chegadas do meia Vitor Bueno e do meia-atacante Marlos. Ontem (segunda-feira, 31 de janeiro), os três estiveram no CT do Caju para a realização de exames médicos e definição dos detalhes contratuais. Bueno assinou por 3 anos, enquanto Pablo, por 2, e Marlos, até o final do ano, com cláusulas de produtividade em seu contrato. Os dois primeiros foram anunciados pelo Furacão hoje (01), faltando apenas Marlos.

“Chegar a um grande clube como o Athletico já é mais um grande sonho que se realiza na minha carreira.”, declarou Vitor Bueno, que vestirá a camisa 8, ao site oficial do Athletico.


Vitor Bueno é anunciado pelo Athletico. (Foto: Reprodução/José Tramontin/Athletico)


“Estou muito feliz por estar de volta, esse é o primeiro ponto. Não tive dúvidas, em nenhum momento pensei em outra possibilidade. Sempre foi a volta para o Athletico, a volta para a minha casa. É onde eu me sinto bem, é onde muitas coisas ficaram marcadas na minha vida.”, disse Pablo ao site oficial do Athletico.


O camisa 92 está de volta ao Furacão. (Foto: Reprodução/Fabio Wosniak/Athletico)


Pablo e Vitor Bueno pertenciam ao São Paulo e chegaram a um acordo com o Tricolor Paulista, renunciando ao restante do contrato e recebendo apenas dos valores referentes ao salários ainda não pagos. Já Marlos encerrou seu vínculo com o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, no fim de 2021. Ele é torcedor de infância do clube e nunca escondeu a vontade de atuar pelo Athletico. Ainda em dezembro do ano passado, clube e jogador conversaram, mas sem muitos avanços. Após reatarem conversas na última semana de janeiro, o jogador chega com contrato de produtividade válido por 1 ano.

Na última coletiva, o presidente Mario Celso Petraglia frisou que o Athletico “vende caro e compra bartato”.  Nas três negociações, o clube não precisou desembolsar valores para comprar os atletas de outros clubes, pois eles estavam livre no mercado. Assim, só foi gasto com os acordos com os jogadores e seus empresários.

Foto destaque: Pablo, Marlos e Vitor Bueno. Reprodução/Infoesporte