Celebridades

Biden tem seu 1° Estado da União e apresenta discurso duro contra Putin

02 Mar 2022 - 17h42 | Atulizado em 02 Mar 2022 - 17h42
Biden tem seu 1° Estado da União e apresenta discurso duro contra Putin

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, fortaleceu sua posição contra o presidente da Rússia, Vladimir Putin, em seu primeiro discurso no "Estado da União", realizado nesta terça-feira (1). O pronunciamento é tradicional e acontece todo ano no Congresso americano, para que o líder do Estado apresente seus principais para o ano.   

"Há 6 dias, Vladimir Putin, da Rússia, achou que iria abalar as próprias fundações do mundo livre, pensando que poderia fazê-lo se curvar aos seus caminhos ameaçadores, mas ele teve um erro de cálculo, ele se deparou com o povo ucraniano. Ao longo de nossa história, aprendemos esta lição: quando os ditadores não pagam o preço por sua agressão, eles causam mais caos", disse o presidente norte-americano.

Biden continuou: "Eles permanecem se movendo. E os custos e ameaças para os EUA e o mundo continuam aumentando.É por isso que a Aliança da Otan foi criada, para garantir a paz e a estabilidade na Europa após a Segunda Guerra Mundial. Os EUA são membros junto com outras 29 nações. Isso importa. A diplomacia americana é importante.A guerra de Putin foi premeditada e não provocada [...] Ele achou que o Ocidente e a Otan iriam se dividir. Ele pensou que poderia nos dividir. Ele estava errado."


   

Joe Biden em suas redes sociais.(Reprodução/Instagram)


Em seguida, ele afirmou: "Para todos os americanos, serei honesto com vocês, como sempre prometi que seria. Um ditador russo, invadindo um país estrangeiro, tem custos em todo o mundo.Putin sabe que está isolado como jamais esteve, e nós estamos juntos. Juntos com nossos aliados estamos agora garantindo as sanções poderosas contra eles. As ações vão mostrar a Putin que ele ficou mais fraco e o resto do mundo ficou mais forte."

Biden comentou, então, sobre a economia do país: "Temos uma escolha". "Uma maneira de combater a inflação é reduzir os salários e tornar os americanos mais pobres. Tenho um plano melhor para combater a inflação. Reduza seus custos, não seus salários. Faça mais carros e semicondutores nos EUA. Mais infraestrutura e inovação nos EUA". Finalizou Joe Biden, em seu discurso.

Foto Destaque: Reprodução/Instagram

Mais Lidas