Saúde e Bem Estar

Brasileiro infectado por varíola dos macacos não tem mais febre, só lesões na pele, afirma Médico

30 Mai 2022 - 16h29 | Atulizado em 30 Mai 2022 - 16h29
Brasileiro infectado por varíola dos macacos não tem mais febre, só lesões na pele, afirma Médico

Quando o assunto é varíola, algumas pessoas podem ter dúvidas sobre essa volta repentina da doença. Esse questionamento está sendo feito pois, desde 1980, quando a Organização Mundial da Saúde declarou a varíola humana oficialmente erradicada, por conta da vacina, não se falava tanto sobre a doença. Devido às circunstâncias atuais, esse assunto retorna de forma diferente. 

A varíola dos macacos é o novo tópico mundial que está intrigando especialistas. Até agora, com pouco tempo de circulação em apenas quatro países africanos, esse vírus vem se espalhando pelo mundo causando preocupações. 

O Primeiro brasileiro infectado está internado em um hospital de Munique, no sul da Alemanha, onde terá que permanecer por pelo menos mais duas semanas. O jovem de 26 anos tem cidadania portuguesa e estava na Alemanha a turismo. Foi direcionado ao local após se consultar com um clínico e ter observado os sintomas semelhantes aos da doença. 


(Foto: Reprodução/Cole Burston AFP)


O médico chefe do setor de infectologia da München Klinik Schwabing, Clemens Wendtner afirmou: “Ele tem lesões de pele em vários lugares, mas não está com febre e não sofre de falta de ar”. 

E ainda completou: "Ele está na nossa área de isolamento. Pela lei sanitária alemã, são três semanas isolado, e ele já cumpriu uma. Então, ainda faltam duas de internação. Ele e o outro paciente de quem eu estou cuidando já não têm mais febre, só restam as lesões na pele. O outro eu já mandei se isolar em casa mesmo, e as autoridades fiscalizam. E para o brasileiro, se ele morasse na Alemanha, eu também daria alta para terminar o isolamento em casa. Mas, como não mora, fica aqui no hospital". 

Especialistas investigam a origem dessas aparições repentinas, ainda não se sabe como o vírus está se espalhando. Atualmente, esta localizado na Europa e está relacionado a alguns eventos turísticos com muitas pessoas de países diferentes: um nas Ilhas Canárias, na Espanha, e outro em Antuérpia, na Bélgica.

 

Foto Destaque: Reprodução/iStock