Celebridades

Bruna Marquezine comenta ataques que recebeu após expor sua opinião política

03 Out 2022 - 19h40 | Atulizado em 03 Out 2022 - 19h40
Bruna Marquezine comenta ataques que recebeu após expor sua opinião política

Nesta segunda-feira (03/10), a atriz Bruna Marquezine (27) fez publicações em seu Twitter que respondiam ameaças sobre sua opinião política nas eleições deste ano (2022). Seus tweets ganharam grande visibilidade nas redes, tendo em vista que o motivo para os ataques recebidos seria seu apoio ao candidato à presidência Luís Inácio Lula da Silva (PT).


Tweet da Bruna compartilhando sobre ataques (Vídeo: Reprodução/Twitter)


Um usuário da rede publicou em resposta à Bruna: "Promete que se o Lula ganhar você vai se matar, aí eu voto”. Em outro post, continuou: "O dia mais feliz da minha vida vai ser quando você se matar, mas até pra isso tu é incompetente". Ao retweetar, a atriz comentou: "Olha que coisa linda, gente. E viva a humanidade, a empatia, a bondade e o respeito”.

O perfil em questão não apresenta identificação, garante sua anonimidade com a foto de perfil da cantora Ariana Grande e com o nome “NJR Prada”, em referência ao jogador Neymar Jr. e ex-namorado da atriz. Em outra publicação, este mesmo perfil respondeu: “Se mata de uma vez, sua escorada. Assim eu nunca mais tenho que ver essa tua cara em estado de decomposição, diabo dos infernos. Morre, p*rra velha acabada imunda suja porca”.


Tweet da Bruna compartilhando sobre ataques (Vídeo: Reprodução/Twitter)


"Ainda bem que eu tenho a cabeça no lugar, se fosse uma pessoa mais frágil ou se estivesse mais vulnerável como já estive anos atrás, isso poderia me ferir profundamente. Mas hoje eu sei que você só é uma pessoa pequena, incompleta, infeliz, desprovida de humanidade. Uma covarde fdp", completou a atriz como resposta.

Esse foi um exemplo das muitas críticas que Bruna recebeu de haters na internet por compartilhar seu posicionamento político com um vídeo, no qual fazia uma expressão de “aborrecimento” ao sinal feito pelas mãos de uma arma, que representaria o candidato Jair Bolsonaro (PL). Logo após, mudou o símbolo gestual para a letra L, que representaria o candidato Luís Inácio, juntamente com sua expressão facial, que passou a demonstrar “felicidade”.

Foto Destaque: Bruna Marquezine compartilha seu posicionamento político e é atacada nas redes. Reprodção/PurePeople