Esportes

Carlos Sainz conquista sua primeira vitória na F1

03 Jul 2022 - 20h46 | Atulizado em 03 Jul 2022 - 20h46
Carlos Sainz conquista sua primeira vitória na F1

O Grande Prêmio da Inglaterra, 10ª etapa da temporada 2022 começou tumultuado com fortes momentos de tensão. Logo na largada da prova, um acidente envolvendo seis pilotos fez a bandeira vermelha ser acionada e a prova reiniciada. O piloto britânico da Mercedes, George Russel, foi tocado de leve pelo francês Pierre Gasly e acabou batendo no estreante Guanyu Zhou da Alfa Romeo. Com o toque sofrido na traseira, o chinês capotou até as grades de proteção da torcida e só parou na barreira de pneus.


O piloto chinês Guanyu Zhou saiu ileso do acidente. (BEN STANSALL / AFP)


Felizmente, o piloto estava consciente e não sofreu nenhum ferimento grave de acordo com a equipe. Mesmo assim foi encaminhado para o hospital por precaução para realizar exames. 

Mas o dia era de Carlos Sainz, o piloto espanhol de 27 anos conseguiu a vitória apesar de diversos empecilhos que foram surgindo ao longo da corrida. Após conquistar sua primeira pole position no sábado (2) abaixo de chuva com a pista molhada, de quebra arrematou o GP da Inglaterra. Destaques para Sérgio Perez, que subiu colocações ao longo da prova e também para Lewis Hamilton que chegou perto da vitória em algumas voltas graças a grandes ultrapassagens.

Na segunda largada, Sainz conseguiu conseguiu conter Verstappen e manteve a liderança. A prova foi marcada por equívocos nas equipes e dos pilotos, algumas paradas custaram posições que não foram reconquistadas. Como ocorreu com Perez na quinta volta, e em uma curva má executada por Sainz que lhe custou a liderança na décima volta. Três voltas depois, Verstappen que vinha na liderança foi forçado a parar por problemas no carro e caiu para a sexta posição. 

A Ferrari hesitou, ficou em dúvidas sobre qual piloto deveria lutar pela liderança - conquista por Hamilton na volta 26 -, Leclerc e Sainz estavam a poucos segundos de distância na terceira e segunda posição respectivamente. Mais para o fim da prova, o líder Hamilton ainda precisava fazer uma parada, enquanto Leclerc com problemas no bico do carro também não havia trocado os pneus. Foi a chance de Sainz, e ele não desperdiçou, assumindo a liderança na volta 43. Lewis Hamilton, chegou a assumir a segunda posição numa ultrapassagem dupla mas não manteve a vice-liderança, Perez conquistou o segundo lugar mais alto no pódio. 

Crédito da Imagem: Mark Thompson /Getty