Esportes

Chelsea supera Al Hilal e disputará final contra o Palmeiras

09 Fev 2022 - 19h48 | Atulizado em 09 Fev 2022 - 19h48
Chelsea supera Al Hilal e disputará final contra o Palmeiras

O favoritismo e o histórico foram confirmados, e o Chelsea venceu o Al Hilal por 1-0 e está classificado para a final do Mundial de Clubes. O representante da Europa nunca ficou fora da final da Copa do Mundo de Clubes desde 2005, ano em que o torneio passou a ter o atual formato.

Apesar da esperada vitória ter se confirmado, o desempenho do Chelsea dá liberdade para o torcedor do Palmeiras sonhar com um possível título. A vitória pelo placar mínimo e o desempenho abaixo daquele que venceu a Liga dos Campeões em Maio do ano passado.

A vitória veio com gol de Lukaku ao 31 minutos do primeiro tempo, após cruzamento de Mason Mount, o lateral esquerdo Al-Shahrani, tentou afastar, mas pegou errado na bola e a rebateu para o centro da pequena área, onde estava Lukaku. O camisa 9 não precisou de muito esforço pra mandar a bola para o fundo da rede. Esse gol decretou o fim da seca do atacante belga, que não marcava desde 8 de Janeiro, contra o Chesterfield, em partida pela Copa da Inglaterra.


Créditos: Reprodução/Twitter/Chelsea/FIFA


Apesar do favoritismo, o Al Hilal como não tinha nada a perder, também aproveitou os espaços que o Chelsea ofereceu, e levou perigo ao gol defendido por Kepa Arrizabalaga, e obrigou o arqueiro espanhol a fazer três defesas difíceis.

Essa será a segunda vez que o Chelsea estará na final do Mundial de Clubes, na primeira, há 10 anos atrás foi derrotado pelo Corinthians, maior rival do Palmeiras, o outro finalista.

O Chelsea terá a chance de manter a escrita dos europeus derrotados na primeira participação, que vencem o torneio quando participam pela segunda vez. Isso aconteceu com o Barcelona, que perdeu para o Internacional em 2006 e venceu o Estudiantes da Argentina em 2009 e com o Liverpool, que foi derrotado pelo São Paulo em 2005 e venceu o Flamengo em 2019.

A final ocorrerá no Sábado, às 13:30 (Horário de Brasília) no estádio Mohammed Bin Zayed, em Abu Dhabi. A Band fará a transmissão em TV aberta e o Bandsports para a TV fechada.

 

Foto Destaque: Lukaku e seus companheiros após o gol. Foto: Reprodução/Twitter