Notícias

Ciência: entenda o que é Tempestade solar e suas características

15 Mar 2022 - 21h24 | Atulizado em 15 Mar 2022 - 21h24
Ciência: entenda o que é Tempestade solar e suas características

Previstas para acontecerem entre os dias 14 e 15 de Março, as Tempestades solares estão sendo consideradas leves e moderadas. A chegada do fenômeno foi alertada e divulgada pela National Oceanic and Atmospheric Administration (NOAA) e pelo British Met Office.  

O que são as Tempestades solares? 

As atividades solares podem ser divididas em quatro categorias: ejeções de massa coronal (EMC), vento solar de alta velocidade, erupções solares e emissão de partículas energéticas solares. Essas atividades ocorrem de diversas maneiras e diferentes intervalos de tempo.  

A Tempestade solar acontece quando uma onda de choque ocasionada por todas atividades causam uma perturbação temporária na magnetosfera (que é a bolha de proteção do planeta Terra contra as emissões solares). O fenômeno pode ocorrer durante minutos ou horas, mas os efeitos pós tempestade duram até semanas.  

 As tempestades desse nível não causam tanta preocupação, mas é muito importante sempre se manter atento, pois podem afetar os sinais de rádio de alta frequência e altas latitudes. Os índices de perturbação possuem dez níveis e as previsões mostram que elas podem chegar nos níveis 5 e 6 nos próximos dias. Além disso, a tempestade pode trazer efeitos para a Terra, como o aumento nas ocorrências de auroras em algumas latitudes do planeta. 



Aurora Boreal na Islândia (Foto: Reprodução/Oficina das palavras)


Aurora Boreal é um lindo fenômeno da natureza que acontece no céu, formando uma cortina de cores e podem ser vistas em várias partes do mundo em momentos específicos. Elas se formam da interação de partículas carregadas e provenientes do sol. Por isso existe correlação entre ela e a tempestade solar. 

Especialistas dizem que é comum acontecer essas tempestades quando a atividade solar fica mais ativa. O astro rei passa por ciclos durante 11 anos e são marcados por momentos de maior e menor atividade. O menor tempo registrado atualmente ocorreu no ano de 2019 e a expectativa para a máxima está prevista para Julho de 2025.  

 

 

Foto destaque: Ilustração da tempestade solar. Reprodução/pplware.sapo