Esportes

City atropela Sporting e encaminha vaga nas quartas de final da Champions

15 Fev 2022 - 20h39 | Atulizado em 15 Fev 2022 - 20h39
City atropela Sporting e encaminha vaga nas quartas de final da Champions

O Manchester City não tomou conhecimento do Sporting e goleou a equipe portuguesa por 5 a 0, nesta terça-feira (15). A partida foi válida pelo jogo 1 das oitavas de final da Champions League e ocorreu no estádio José Alvalade, em Portugal. As equipes se enfrentam novamente em 9 de março pelo jogo 2, no Etihad Stadium, em Manchester, na Inglaterra. Bernardo Silva (2x), Mahrez, Foden e Sterling anotaram os gols da partida.

O grande destaque dos ingleses foi o meia português Bernardo Silva, que além dos gols marcados, ainda teve um anulado após o VAR sinalizar impedimento na jogada. Com isso, os Citizens chegaram a 10 atletas marcando gols na atual Champions. A variedade de artilheiros tem sido uma tônica do City na temporada. Considerando todas as competições, são 18 jogadores diferentes que chegaram às redes.


Mahrez celebra seu gol em goleada do City. (Foto: Reprodução/Getty Images)


Autor de um dos gols da partida, o argelino Mahrez é artilheiro do City na atual temporada, com 17 gols marcados. Pela Liga dos Campeões, são 10 gols nas últimas 11 partidas disputadas e 6 na atual edição da competição. O jogador está a um gol de igualar seu ano mais goleador, que foi na temporada 15/16, ainda pelo Leicester City.

Tendo marcado 4 gols ainda no primeiro temo, a equipe estabeleceu um recorde dentro da competição. Essa é a primeira vez no mata-mata da Champions que o time visitante termina o primeiro tempo com 4 ou mais gols de diferença à frente. Invicto há 13 partidas, com 12 vitórias, a última derrota sofrida pelos ingleses foi pela fase de grupos do torneio. O time vencedor foi o RB Leipzig, na última rodada de grupos – àquela altura, o City já estava classificado. O também alemão Bayern de Munique terminou a fase empatado com o City como melhor ataque da atual edição, com 22 gols.

Agora, os portugueses têm a difícil tarefa de vencer por cinco gols de diferença para levar a decisão para os pênaltis., já que não há mais o critério de desempate por gol marcado fora de casa.

Foto destaque: Jogadores comemorando um dos gols. Reprodução/Reuters