Esportes

Com meta batida de Calleri, São Paulo vai comprar jogador em parcelas até 2025

24 Mai 2022 - 20h30 | Atulizado em 24 Mai 2022 - 20h30
Com meta batida de Calleri, São Paulo vai comprar jogador em parcelas até 2025

Após ter atingido a meta de minutos jogados estipulado em contrato, o time tricolor paulista terá que comprar os direitos econômicos do jogador argentino Calleri. São 3 milhões de dólares (cerca de 14 milhões de reais na cotação atual) que o time brasileiro precisará repassar ao Deportivo Maldonado, do Uruguai.


Jonathan Calleri, em dividida com jogador do atlético mineiro, em partida válida pela libertores, em 2016 (Foto: Reprodução/Getty Images)


O saldo começará a ser quitado ano que vem, 2023, ocasião em que será pago um milhão de dólares, somados a mais um milhão em 2024 e finalizando com mais um milhão de dólares em 2025. Desde sua contratação até o final de 2022, Calleri precisava ‘bater a meta’ de 30% dos minutos de jogos do São Paulo. A informação da meta conquistada foi divulgada pelo jornalista André Plihal, no Twitter.

Desde sua chegada no São Paulo, no final de agosto de 2021, o atacante uruguaio já disputou 2.706 minutos com a camisa do time do tricolor. Após o jogo contra o Corinthians na arena Corinthians em Itaquera, Calleri atingiu 31,31% dos minutos jogados. Se for considerado que o São Paulo chegue a todas as finais dos campeonatos disputados até o fim de 2022, seriam 8.640 minutos jogados.

Em entrevista à imprensa no início deste mês, Julio Casares já havia afirmado que o atacante argentino teria seus direitos econômicos comprados ao final da temporada vigente – “(O São Paulo) vai comprar o Calleri. O Calleri será atleta do São Paulo. Temos um contrato muito claro. Ele não veio na primeira oportunidade, os valores estavam distantes. Ele veio na segunda oportunidade, ainda abrindo mão de uma grande parte do salário no ano de 2021. Em 2022 houve a compensação salarial para repor uma eventual perda, com cláusulas afinadas de produtividade, que deram garantia à ele e a nós” – disse Casares.

Na temporada atual, Calleri já contabiliza 15 gols e é artilheiro do time e ídolo da torcida desde sua primeira passagem pelo time, em 2016. Nesta quarta-feira, o São Paulo enfrenta o Ayacucho, do Perú, pela Sul-Americana, mas o jogador argentino deve ser poupado por Ceni, já que o tricolor paulista já está classificado. O confronto acontece no Morumbi, às 19h15, muito provavelmente com um time reserva.

 

Foto Destaque: Jonathan Calleri, comemorando gol pelo São Paulo F.C (Foto: Reprodução/Getty Images)