Esportes

Corinthians estreia na Libertadores com derrota para o Always Ready

06 Abr 2022 - 10h30 | Atulizado em 06 Abr 2022 - 10h30
Corinthians estreia na Libertadores com derrota para o Always Ready

A estreia do Corinthians na noite desta terça-feira (5) em La Paz, na Bolívia, pela Copa Libertadores, deixou o torcedor preocupado. Com uma atuação apática e com as dificuldades da altitude de 3.600 metros, a equipe comandada por Vítor Pereira foi derrotada pelo Always Ready por 2 a 0, gols de Riquelme e Ramallo, e terminou a primeira rodada na lanterna do grupo E.

Logo aos 6 minutos da primeira etapa, João Pedro, substituto do lesionado Fagner, cometeu pênalti em Jorge Flores, penalidade que o centroavante Riquelme não desperdiçou e colocou a equipe boliviana à frente no placar. O Corinthians dominou as ações do primeiro tempo, chegando a ter 70% de posse de bola e o dobro de finalizações (10 a 5), mas sem levar perigo ao gol adversário, foi para o vestiário em desvantagem. 

Na segunda etapa, Vítor Pereira fez duas substituições, colocando Róger Guedes e Maycon, que fez sua reestreia pelo Timão, nos lugares de João Pedro e Adson. Mas as mudanças mal tocaram na bola e já tiveram que reverter uma situação ainda mais complicada. Já que aos 20 segundos, a defesa corintiana vacilou e deixou Riquelme dominar a bola e tocar em profundidade para Ramallo, que entrou na área e com um toque tirou de Cássio e ampliou a vantagem do Always Ready.

Sem conseguir dar trabalho para o goleiro boliviano com infiltrações e jogadas individuais, o Corinthians apostou nas bolas alçadas na área, mas sem sucesso. O treinador português ainda colocou Mosquito, Giuliano e Piton em campo, porém, o resultado se manteve inalterado e a derrota na estreia da Libertadores foi confirmada. Jogo que também marcou o primeiro revés corintiano contra time bolivianos na história do clube.



Vítor Pereira comentou sobre a partida em entrevista coletiva. “O que mais me incomoda nesse jogo foi a forma que sofremos os dois gols e, depois, a forma como reagimos ao segundo gol. Temos que manter o equilíbrio. O que me deixa desgostoso é a nossa incapacidade de reagir emocionalmente e taticamente”, destacou o comandante alvinegro.

No outro jogo do grupo, o Deportivo Cali, jogando em casa, venceu o Boca Juniors pelo mesmo placar e assumiu a liderança ao lado do Always Ready, ambos com três pontos.

Pela Libertadores, o Corinthians volta a campo na próxima quarta-feira (13), às 21h (de Brasília), na Neo Química Arena, contra o Deportivo Cali. Mas antes, a equipe paulista tem a estreia no Campeonato Brasileiro, quando encara o Botafogo, no domingo (10), fora de casa.

Foto Destaque: Reprodução/Reuters