Esportes

Corinthians supera Universitário e abre vantagem nos playoffs da Sul-Americana

11 Jul 2023 - 23h30 | Atulizado em 11 Jul 2023 - 23h30
Corinthians supera Universitário e abre vantagem nos playoffs da Sul-Americana

Apesar de um escalação recheada de jovens e um ambiente rodeado de polêmicas fora de campo, a torcida do Corinthians pode ficar esperançosa para a sequência da Copa Sul-Americana. Isso tudo porque na noite desta terça-feira (11), o alvinegro paulista superou o Universitário do Chile em jogo válido pela ida dos playoffs da Copa Sul-Americana, dentro da Neo Quimica Arena. O time totalmente reserva não dificultou o desempenho dos mandantes, controlando tudo desde o início. A vantagem numérica nos minutos finais também foi muito importante na construção do resultado, encaminhando a classificação no torneio continental.



Jogadores do Corinthians e Universitário durante a partida (Foto: Reprodução/Twitter)


Primeiro Tempo

Diante de 36 mil pessoas, o Corinthians precisava contruir uma vantagem no confronto eliminatório, mesmo a competição continental não sendo a prioridade. Desde o começo, a equipe comandada por Vanderlei Luxemburgo conseguiu demonstrar superioridade na partida, criando muitas oportunidades, mas pecando nos momentos decisivos. Matheus Araújo, Adson e Biro tiveram destaque nas ações ofensivas, principalmente o jovem camisa 26, que tentou surpreender a defesa peruana com alguns chutes de longa distância, porém sem direção. O ataque dos paulistas também sofreu fisicamente, perdendo Pedro por uma lesão antes do intervalo, que acabou substituido por Giovane. O atacante obrigou uma intervenção de Diego Romero logo na sequência, mas não tirou o zero do placar.



Felipe Augusto decidiu a partida para o Corinthians (Foto: Reprodução/Twitter)


Segundo Tempo

O roteiro de comandar a partida seguiu na etapa final, que fez o Universitário seguir na defesa, sem ter nenhuma criação. Apesar de não ser muito pressionado, Luxemburgo não demorou muito para promover a entrada de Renato Augusto e Angél Romero, tentando melhorar a armação no ataque, porém sem muito sucesso. Em uma das únicas chances no campo do adversário, a equipe chilena chegou ao gol de Carlos Miguel duas vezes, nenhuma delas tiveram muito perigo, saindo sem direção.

Próximo dos trinta, aconteceu o lance decisivo da partida. Valera entrou de forma criminosa na perna de Rafael Ramos em um lance na lateral da defesa, a falta do jogador peruano precisou de uma revisão do VAR para uma possível expulsão, que aconteceu logo na sequência. Com a vantagem numérica, o Corinthians ganhou espaço e abriu o placar em Itaquera nos minutos seguintes, em uma jogada individual de Renato Augusto. O meia passou pela defesa com um drible plástico, deixando a bola para Felipe Augusto, que finalizou de primeira no ângulo. Antes do apito final, Carlos Miguel garantiu o resultado favorável no último lance no chute de Calcaterra.



Os melhores momentos da partida. (Vídeo: Reprodução/Youtube)


A vantagem do alvinegro deu uma tranquilidade maior ao seu técnico, muito pressionado pelo desempenho dentro do Campeonato Brasileiro. Na competição continental, o Timão joga pelo empate em Lima para se classificar às oitavas de final, pegando o Newell's Old Boys na próxima fase. As duas equipes se enfrentam na terça-feira seguinte (17) , no estádio Monumental, no Peru. Enquanto isso, o time do Parque São Jorge volta a campo nesse sábado (14), pelo segundo jogo da Copa do Brasil, contra o América Mineiro também na Neo Quimica Arena, precisando de uma vitória com dois gols para avanaçar.

Foto Destaque: Felipe Augusto comemorando seu gol pelo Corinthians. Reprodução/Twitter