Notícias

Cresce o número de vagas de emprego no Brasil

29 Mar 2022 - 21h31 | Atulizado em 29 Mar 2022 - 21h31
Cresce o número de vagas de emprego no Brasil

No mês de Fevereiro, o Brasil criou 328.507 vagas de emprego com carteira assinada. Os dados foram divulgados nesta terça-feira (29), pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), através do Ministério do Trabalho e Previdência. Essa numeração é resultado de 2.013.143 admissões e de 1.684.636 demissões no último mês. 

As numerações de fevereiro possuem um aumento comparado a janeiro, pois foram abertas 150.355 vagas. Porém, a quantidade ainda fica abaixo comparada ao mesmo período no ano passado, onde foram abertas 397.463 vagas com carteira assinada. 

Em 2021, todos os meses do ano possuíram um saldo positivo na geração de oportunidades de empregos formais, exceto dezembro, que já é um mês conhecido pela alta quantidade de desligamentos pedidos. A criação dos postos de vagas com carteira assinada não fica abaixo de 200 mil desde abril do ano passado.  

As principais áreas que contrataram novos funcionários começa pelo setor de serviços, havendo a abertura de 215.421 postos, seguido da indústria geral, que realizou a abertura de 43 mil novas oportunidades. Além delas, entram nessa lista positiva o setor agropecuário com 17.415 contratações. E a construção, que obteve um saldo de 39.453  vagas.


Serviço de costura (Foto: Reprodução/pensamentoverde)


Em fevereiro, 25 Estados do Brasil fecharam em positivo no Caged. O destaque foi direcionado para São Paulo outra vez, que realizou a abertura de 98.262 postos de trabalho. No Rio Grande do Norte, obteve um saldo de demissões de aproximadamente 1.451 pessoas.  

Os salários médios de carteiras assinadas voltou novamente a cair, passando de R$1939.80 em janeiro, para R$1878.66 em fevereiro. O valor atual está R$47.70 a menos do que o mesmo período no ano passado. 

A procura pelo seguro-desemprego cresceu de 529.828 em janeiro, para 550.270 no mês passado. Os dados foram divulgados pelo Ministério do Trabalho, que possui essas numerações atualizadas durante o ano inteiro.  

 

Foto destaque: Reprodução/Gazeta do povo

 

Mais Lidas