Esportes

Cristiano Ronaldo e Diogo Jota alertam Portugal para jogo de repescagem contra Turquia

22 Mar 2022 - 15h35 | Atulizado em 22 Mar 2022 - 15h35
Cristiano Ronaldo e Diogo Jota alertam Portugal para jogo de repescagem contra Turquia

Cristiano Ronaldo alerta Portugal para jogo decisivo contra a Turquia e pede foco total ao grupo para a partida de quinta-feira (24), pela repescagem das eliminatórias. Diogo Joga diz que jogadores prometem evitar "a todo custo" demissão de Fernando Santos.

A seleção de Portugal está há pouco dias de jogar pela sobrevivência do sonho de estar na Copa do Mundo de 2022. A partida contra a Turquia pelos playoffs da repescagem das eliminatórias europeias será nesta quinta-feira (24). O principal nome do grupo, o craque Cristiano Ronaldo, mandou um alerta para os companheiros.

"Foco total no Mundial 2022. Orgulhoso, como sempre, por representar Portugal. Sabemos que o caminho não será fácil, temos o máximo respeito pelos adversários que vamos enfrentar e que partilham dos mesmos objetivos que nós. Mas, juntos, vamos lutar para colocar Portugal no nosso devido lugar" — declarou CR7 nas redes sociais.

Se vencer a seleção turca no Estádio do Dragão, Portugal terá pela frente, na final de sua chave na repescagem, a Itália ou a Macedônia do Norte, na terça-feira da semana que vem (29). Para o atacante Diogo Jota, do Liverpool, não é um momento para alta carga dramática.


Diogo Jota atacante do Liverpool e da seleção portuguesa. (Foto:Reprodução/Twitter)


"Não é a situação ideal, mas é a situação em que estamos, e temos de a encarar com responsabilidade. Não há que dramatizar muito, é um jogo de futebol. Acredito que podemos vencer e temos todas as condições para estar na Copa" — disse Diogo Jota, em entrevista coletiva nesta terça.

A convocação da seleção comandada pelo técnico Fernando Santos já sofreu várias alterações, dadas as ausências de Rúben Dias, Pepe, Rúben Neves e Anthony Lopes. O treinador está ameaçado no cargo e pode ser demitido em caso de eliminação na repescagem. Mas o grupo promete trabalhar duro para evitar isso.

"Tentamos não pensar nisso, o foco está em chegar ao Mundial. Não temos o contrário pensado, não será bom para ninguém. Vamos tentar evitar essa situação a todo o custo" — declarou o atacante.

A seleção portuguesa está em Lisboa e viaja para a cidade do Porto ainda nesta terça. Haverá um último treino na quarta, já no Estádio do Dragão, antes da partida decisiva contra a Turquia na quinta.

Foto destaque: Cristiano Ronaldo em ação com a camisa de Portugal. Reprodução/Twitter.