Notícias

Daniella Marques é a escolhida pelo Comitê da Caixa para assumir o cargo de presidente

02 Jul 2022 - 13h20 | Atulizado em 02 Jul 2022 - 13h20
Daniella Marques é a escolhida pelo Comitê da Caixa para assumir o cargo de presidente

A economista e ex-secretária de Produtividade e Competitividade do Ministério da Economia, Daniella Marques, teve o nome aprovado pelo Comitê de Elegibilidade da Caixa Econômica Federal, nesta sexta-feira (1), para assumir a presidência da empresa e assinou o termo de posse do novo cargo. Na tarde da próxima terça-feira (4), o Palácio do Planalto promoverá uma cerimônia para marcar a posse da nova dirigente do banco.

Daniella substituirá o ex-presidente Pedro Guimarães, que se demitiu na última quarta-feira (29), devido a denúncias de assédio sexual de funcionárias do banco. O caso é investigado pelo Ministério Público Federal e pelo Ministério Público do Trabalho. Guimarães nega as acusações.


O site de notícias Metrópoles foi o responsável pela liberação de provas contra o ex-presidente da Caixa, Pedro Guimarães. Áudios de xingamentos repercutiram na imprensa. (Foto: Ed. Alves/ Correio Braziliense)


Assédio sexual e moral

Além de áudios se referindo à assedio sexual contra funcionárias, evidências de assédio moral contra funcionários também foram ouvidas.

Segundo o site Metrópoles, Álvaro Pires, nomeado na época como assessor de gabinete da Presidência, foi chamado de "pau mole" por Pedro Guimarães. Isso porque, de acordo com o ex-presidente, Álvaro não teria coragem de tomar as providências necessárias caso houvesse vazamento de informações de uma reunião na qual o então vice-presidente, Celso Leonardo Derziê, estava presente.

Trajetória da nova presidente da Caixa

Daniella Marques está no governo Bolsonaro desde o início do mandato. Começou como chefe da Assessoria Especial de Assuntos Estratégicos, em janeiro de 2019, e era uma das assessoras de confiança do ministro Paulo Guedes, da Economia.

A nova presidente da Caixa atuou no mercado financeiro, na área de gestão independente de fundos de investimentos, acompanhando o ministro Guedes e já foi sócia dele na Bozano Investimentos, onde atuou como Diretora de Compliance e Operações e Financeiras (COO e CFO).

Ela ainda tem formação de administradora de Empresas pela PUC-RJ, com MBA em Finanças pelo Ibmec. Além de ter sido diretora-executiva da Oren Investimentos e, na Mercatto Investimentos, diretora de Risco e Compliance, Sócia e Gestora de Renda Variável.

 

Foto em destaque: Economista Daniella Marques é nomeada antecipadamente como nova presidente da Caixa. Reprodução: Reuters/Ueslei Marcelino.