Esportes

Endrick marca, Palmeiras vence Athletico-PR e fica perto do título do Brasileirão

26 Out 2022 - 09h10 | Atulizado em 26 Out 2022 - 09h10
Endrick marca, Palmeiras vence Athletico-PR e fica perto do título do Brasileirão

Nesta terça-feira (25), na abertura da 34ª rodada, o Palmeiras derrotou o Athletico-PR por 3 a 1, na Arena da Baixada, e se aproximou de seu 11° título de Campeonato Brasileiro. A noite se tornou ainda mais especial para os palmeirenses e para um garoto de 16 anos, o atacante Endrick, que anotou seu primeiro gol como profissional e se tornou o jogador mais jovem (16 anos e três meses) a marcar pelo Verdão. 

Com a vitória, o Palmeiras pode ser campeão ainda nesta rodada, caso Corinthians e Internacional não vençam seus jogos contra Fluminense e Ceará, respectivamente, na noite desta quarta-feira (26). Já a equipe paranaense, permanece na sexta colocação, com 51 pontos, e mira a final da Libertadores no fim de semana. 



No primeiro tempo, a equipe de Abel Ferreira dominou as ações mesmo atuando fora de casa, mas não conseguiu levar perigo real ao gol de Anderson. Com o passar dos minutos, os comandados de Felipão foram equilibrando as ações. Em uma das oportunidades, aos 30 minutos, o zagueiro Matheus Felipe recebeu no meio-campo e finalizou de longe, acertando o ângulo de Weverton e abrindo o placar com um golaço. O Palmeiras seguiu trocando passes no campo de defesa e segurou a pressão do Athletico, que se animou após abrir o placar. Mas a primeira etapa terminou com vantagem rubro-negra.

Para a segunda etapa, Abel mexeu no time e promoveu a entrada de Endrick e Gabriel Menino. O Palmeiras voltou mais ofensivo e pressionando no campo adversário. E aos 13 minutos, após roubada de bola de Endrick e passe para Dudu, a bola sobrou para Gustavo Scarpa, que finalizou dividindo com o próprio Endrick, e empatou o jogo para os paulistas. No mesmo lance, Cuello foi expulso por reclamação, quando o Furacão pedia falta no lance, e com um a menos, o Athletico desmoronou na partida. A partir do empate, só deu Palmeiras. E aos 24 minutos, Endrick entrou de fato para a história alviverde, marcando o gol da virada e seu primeiro como profissional. O prodígio recebeu cruzamento de Rony e finalizou de cabeça para virar o duelo. Seis minutos após a virada, Scarpa bateu o escanteio e o capitão Gustavo Gomez fez de cabeça, marcando o terceiro e decretando a vitória do “quase” campeão Palmeiras.

Após a partida, Endrick comentou sobre a noite especial. "Inexplicável o que Deus faz na minha vida, não acho que está bom ainda, tenho que treinar e tenho muito a melhorar. Tenho que trabalhar mais para melhorar, quero fazer as pessoas acreditarem em mim, ter fé e fazer elas acreditarem na minha pessoa", disse o jovem em entrevista ao canal do Casimiro na Twitch.

"A vitória vai vir na hora certa para sermos campeões, ainda não tem nada ganho. Temos mais finais, vamos seguir com pés no chão e vamos seguir trabalhando. Esperar os resultados de amanhã, mas vamos buscar mais vitórias. Dedico para a minha família, para o meu irmão e quero dar para ele o que não tive na infância", finalizou o camisa 16.

Do lado paranaense, Felipão também comentou sobre o jogo. “Entramos com um time diferente, mas fizemos 70% do que pretendemos fazer. Tivemos um primeiro tempo muito bom. O mais simples é fazer as coisas simples. Quando não fizemos, perdemos para nós mesmos. Nós que entregamos”, disse o técnico do penta.

Agora, o Athletico-PR volta suas forças para a grande decisão da Libertadores, no próximo sábado (29), contra o Flamengo, às 17h (de Brasília), em Guayaquil. Já o Palmeiras só joga na outra quarta-feira (2), no Allianz Parque, quando recebe o Fortaleza às 16h, em duelo que tem tudo para ratificar o título alviverde. 

Foto Destaque: Endrick comemorando seu primeiro gol como profissional. Reprodução/Rodolfo Buhrer