Saúde e Bem Estar

Esquizofrenia na adolescência pode ser causada por maconha

24 Mai 2022 - 19h45 | Atulizado em 24 Mai 2022 - 19h45
Esquizofrenia na adolescência pode ser causada por maconha

No Dia Mundial da Pessoa com Esquizofrenia, doença que afeta 24 milhões de pessoas em todo o mundo, estudos apontam que maconha pode causar esse problema na adolescência.

É visto que desde meados dos anos 2000, o mundo passou a flexibilizar as regras e liberação do uso da maconha recreativa. O canabidiol é o princípio ativo da maconha mais estudado hoje pelos seus efeitos benéficos ao organismo, enquanto o THC (tetrahidrocanabinol) é responsável por causar alucinações.


Fonte: FreepikMaconha(Reprodução/Freepik)


A maconha atualmente teve um crescimento no teor de THC e um nível bem menor de canabidiol do que comparado a décadas atrás. O motivo dessa mudança se deve ao fato da erva ter mais potência para dar e com isso gerar economia para seus fabricantes.

Os adolescentes são os que mais têm usado maconha. Dados indicaram que cerca de um em cada cinco utilizou a erva considerando seu último mês.

O cérebro dos adolescentes ainda está em formação, e por isso é muito mais vulnerável. Como apontado, o consumo da maconha pode gerar doenças psiquiátricas.

Quanto mais cedo se começa a usar, pior. E, quanto mais THC, maior o risco de problemas mentais. Os resultados mostram que quanto mais maconha é utilizada, maior a probabilidade de desregulação neuronal e de desenvolvimento de quadros como a esquizofrenia.

 

Fonte: Freepik

Mais Lidas