Notícias

Ex-assessora de Gabriel Monteiro presta depoimento contra o vereador e confirma acusações de assédio

01 Jun 2022 - 16h47 | Atulizado em 01 Jun 2022 - 16h47
Ex-assessora de Gabriel Monteiro presta depoimento contra o vereador e confirma acusações de assédio

Luiza Caroline Bezerra Batista, de 26 anos, ex-assessora do vereador Gabriel Monteiro (PL), disse que o antigo chefe praticou "assédio sexual e importunação sexual" contra ela. A confirmação das denúncias apresentadas na delegacia se deu durante depoimento ao Conselho de Ética da Câmara Municipal do Rio nesta terça-feira (31), no processo por quebra de decoro parlamentar contra o ex-policial militar.

Luiza prestou o seguinte esclarecimento ao terminar de depor:

"Eu respondi que sofri assédio sexual, importunação sexual. Ele é um doente social. Só de ouvir a voz dele eu já fico com o coração acelerado e quero ficar bem longe".

O processo na Câmara pode provocar cassação do mandato do vereador. As denúncias contra Gabriel envolvem acusações de estupro, assédio sexual e vídeos forjados para a internet.

Morte do ex-assessor de Gabriel Monteiro

Do lado de fora da sessão do Conselho de Ética da Câmara, Gabriel Monteiro se referiu sobre a morte de seu ex-assessor Vinícius Hayden Witeze.

Vinícius é um dos autores das denúncias contra Gabriel pela prática de assédio moral e sexual. O ex-assessor morreu na noite de sábado (28), num acidente de trânsito em Teresópolis, na Região Serrana.

"A morte do senhor Vinícius, eu lamento. Não desejo mal a ninguém, que se machuque, que tenha problemas, não quero ninguém perseguido. Não é motivo de comemoração, glória ou alegria, a morte de um jovem de 33 anos, que serviu aqui na Câmara e estava já em outras atividades. Mas insta salientar, ele morreu a princípio, por acidente, conforme o delegado falou", disse Gabriel.

Fontes da Polícia Civil ouvidas pelo RJ2 disseram não haver indícios de que o freio do carro de Vinícius estivesse com problemas. Os investigadores, por ora, acreditam que o ex-assessor de Gabriel tenha dormido no volante.


Carro de Vinícius Hayden Witeze passou por perícia pelos profissionais do Instituto de Criminalística Carlos Éboli. (Foto: Agência O Globo/Fábio Rossi)


O Conselho de Ética da Câmara do Rio solicitou a Polícia Civil o compartilhamento de provas da investigação sobre a morte de Vinícius Hayden. Após esse caso, o presidente do parlamento carioca ofereceu aos vereadores o serviço de segurança pessoal.

 

Foto em destaque: Ex-assessora de Gabriel Monteiro confirma acusações contra o vereador sob investigação. (João Bittencourt/Montagem)