Cinema/TV

Festival de Veneza revela a seleção de filmes com “Blonde”, ”Não se Preocupe, Querida”

26 Jul 2022 - 22h01 | Atulizado em 26 Jul 2022 - 22h01
Festival de Veneza revela a seleção de filmes com “Blonde”, ”Não se Preocupe, Querida”

Foi revelado hoje, 26, a seleção de filmes do Festival de Veneza 2022, pela organização. Blonde, a cinebiografia de Marilyn Monroe, estrelado por Ana de Armas, é um dos destaques. O festival deste ano acontece entre 31 de agosto a 10 de setembro.

Além do filme de Andrew Dominik, o festival italiano promete exibir novos títulos de diretores renomados como Noah Baumbach, de “White Noise”, Darren Aronofsky de “The Whale”, Todd Field de “Tár”, Alejandro González Iñárrtitu de “Bardo”, Luca Guadagnino de “Bones and All” e Martin McDonagh de “The Banshees of Inisherin”. Sendo apenas na competição principal, no qual os filmes concorrem ao almejado Leão de Ouro.

Desta primeira lista ainda terá a estreia de “Não se Preocupe, Querida”, novo filme de Olivia Wilde estrelado por Florence Pugh e Harry Styles. Diretores como Paul Schrader, Ti West e Oliver Stone também exibirão longas fora de competição.


Florence Pugh e Harry Styles em Não se Preocupe, Querida (Reprodução/ Warner Bros).


No campo das series, Lard Von Trier está de volta a Veneza com a nova temporada de “The Kingdom”. Seu conterrâneo e desafeto, Nicolas Winding Refn, vai estrear “Copenhagen Cowboy” durante o evento.

O Júri do Festival de Veneza concede o Leão de Ouro de melhor Filme, Leão de Prata – Grande Prêmio do Júri, Leão de Prata de Melhor Diretor, Copas Volpi de Melhor Atriz e Melhor Ator, Prêmio Especial do Júri, Prêmio de Melhor Roteiro e Prêmio Marcello Mastroianni de Melhor Novo Ator ou Atriz Jovem.

A lista completa do festival será:

Competição principal

  • White Noise, de Noah Baumbach (filme de abertura)
  • Il Signore delle Formiche, de Gianni Amelio
  • The Whale, de Darren Aronofsky
  • L’Immensita, de Emanuele Crialese
  • Saint Omer, de Alice Diop
  • Blonde, de Andrew Dominik
  • Tár, de Todd Field
  • Love Life, de Koji Fukada
  • Bardo, de Alejandro González Iñárritu
  • Athena, de Romain Gavras
  • Bones and All, de Luca Guadagnino
  • The Eternal Daughter, de Joanna Hogg
  • Beyond the Wall, de Vahid Jalilvand
  • The Banshees of Inisherin, de Martin McDonagh
  • Argentina, 1985, de Santiago Mitre
  • Chiara, de Susanna Nicchiarelli
  • Monica, de Andrea Pallaoro
  • No Bears, de Jafar Panahi
  • All the Beauty and the Bloodshed, de Laura Poitras
  • A Couple, de Frederick Wiseman
  • The Son, de Florian Zeller
  • Our Ties, de Roschdy Zem
  • Other People’s Children, de Rebecca Zlotowski

Fora de competição (ficção)

  • The Hanging Sun, de Francesco Carrozzini (filme de fechamento)
  • When the Waves Are Gone, de Lav Diaz
  • Living, de Oliver Hermanus
  • Dead for a Dollar, de Walter Hill
  • Call of God, de Kim Ki-duk
  • Dreamin’ Wild, de Bill Pohlad
  • Master Gardener, de Paul Schrader
  • Siccita, de Paolo Virzi
  • Pearl, de Ti West
  • Não se Preocupe, Querida, de Olivia Wilde

Fora de competição (documentário)

  • Freedom on Fire: Ukraine’s Fight for Freedom, de Evgeny Afineevsky
  • The Matchmaker, de Benedetta Argentieri
  • Gli Ultima Giorni Dell’Umanita, de Enrico Ghezzi, Alessandro Gagliardo
  • A Compassionate Spy, de Steve James
  • Music for Black Pigeons, de Jorgen Lethl, Andreas Koefoed
  • The Kiev Trial, de Sergei Loznitsa
  • In Viaggio, de Gianfranco Rosi
  • Bobby White Ghetto President, de Christopher Sharp, Moses Bwayo
  • Nuclear, de Oliver Stone

Fora de competição (séries)

  • The Kingdom Exodus, de Lars Von Trier
  • Copenhagen Cowboy, de Nicolas Winding Refn

Mostra Horizontes

  • Princess, de Roberto de Paolis
  • Victim, de Michal Blanko
  • On the Fringe, de Juan Diego Botto
  • Trenque Lauquen, de Laura Citarella
  • Vera, de Tizza Covi, Rainer Frimmel
  • Innocence, de Guy Davidi
  • Blanquita, de Fernando Guzzoni
  • Pour La France (For My Country), de Rachid Hami
  • A Man, de Kei Ishikawa
  • Bread and Salt, de Damian Kocur
  • Luxembourg, Luxembourg, de Antonio Lukich
  • Ti Mangio IL Cuore, de Pippo Mezzapesa
  • To the North, de Mihai Mincan
  • Autobiography, de Makbul Mubarak
  • La Syndicaliste (The Sitting Duck), de Jean-Paul Salomé
  • World War III, de Houman Seyedi
  • The Happiest Man in the World, de Teona Strugar Mitevska
  • The Bride, de Sérgio Tréfaut
  • Origin of Evil, de Sébastien Marnier
  • Hanging Gardens, de Ahmed Yassin Al Daradji
  • Amanda, de Carolina Cavalli
  • Red Shoes, de Carlos Eichelmann Kaiser
  • Nezouh, de Soudade Kaadan
  • Notte Fantasma, de Fulvio Risuleo
  • Without Her, de Arian Vazirdaftari
  • Valeria Is Getting Married, de Michal Vinik
  • Goliath, de Adilkhan Yerzhanov

 

Foto Destaque: Ana de Armas como Marlilyn Monroe em Blonde. Reprodução/ Netflix.