Money

Ganhos da TIM podem chegar a R$ 19 bi com aquisição de parte da Oi Móvel

26 Abr 2022 - 11h00 | Atulizado em 26 Abr 2022 - 11h00
Ganhos da TIM podem chegar a R$ 19 bi com aquisição de parte da Oi Móvel

Após adquirir parte da Oi em um leilão no final de 2020, a TIM pode ter ganhos entre R$16 bi a R$19 bi. A TIM é controlada pela empresa italiana Telecom Italia e prevê esses ganhos levando em conta a infraestrutura e as sinergias comerciais, compradas da Oi Móvel. 

A conclusão da compra de parte da Oi foi finalizada no último dia 20. Na negociação, a TIM ficou com a maior fatia da antiga operadora. As outras fatias ficaram divididas entre a Telefônica Brasil e a Claro. Segundo a TIM, cerca de 45% das sinergias devem ser capturadas até o ano de 2030. A empresa controlada pela Telecom Italia agora tem 27% do mercado nacional, 7% a menos que no ano passado.


Fusão entre as operadoras TIM e Oi Móvel (Foto: Reprodução/Minha Operadora)


Com a aquisição, a TIM pode chegar ao lucro líquido nos próximos oito meses deste ano, 2022, de R$1,8 bilhões. Segundo a empresa, a compra é um divisor de águas e trará muitos ganhos e menos despesas a longo prazo. Além disso, um maior valor global para a TIM.

Alberto Griselli, CEO da TIM, falou sobre a venda da Oi Móvel: “Preserva o interesse do negócio e da sociedade, garantindo a manutenção do ecossistema de competição e investimentos necessários para o desenvolvimento das telecomunicações brasileiras e o avanço digital do país”.


Alberto Griselli, CEO da TIM (Foto: Reprodução/Divulgação)


Outro ganho que a TIM terá é a aquisição de cerca de 16 milhões de clientes da Oi Móvel, que se juntará a mais de 50 milhões já existentes. A portabilidade dos clientes da Oi Móvel para a TIM não será de forma imediata.

Há também algumas promessas da TIM após a aquisição da Oi. São elas a melhoria técnica na rede e o aumento de funcionários no call center. Com a chegada de mais clientes é necessário investimentos para melhorias, tanto na própria operadora, quanto no atendimento a ser realizado. 

Foto Destaque: Logomarca da TIM e da Oi Móvel, empresas de telefonia. Reprodução/Tim

 

Mais Lidas