Cinema/TV

Gérard Depardieu é acusado de assédio sexual por 13 mulheres

12 Abr 2023 - 17h50 | Atulizado em 12 Abr 2023 - 17h50
Gérard Depardieu é acusado de assédio sexual por 13 mulheres

Em reportagem investigava publicada pelo veículo francês Mediapart, o renomado ator francês Gérard Depardieu, 74, teria sido acusado por cerca de 13 mulheres de crimes sexuais no intervalo de 2004 a 2022. A informação foi revelada através da Variety nesta semana.

A reportagem buscou fontes entre colegas de elenco, figurantes, artistas de maquiagem e integrantes de equipes técnicas, tais sendo parte do grupo que denunciou o ator para os jornalistas realizadores desta investigação. Também foi relatado que as vítimas foram atacadas em sets de filmagem.

Entre os relatos, temos um que aconteceu no set do filme The Box, de 2015. De acordo com uma figurante que trabalhou na produção, Depardieu "colocou a mão por baixo de seu vestido", tocando sua calcinha e tentou afastá-la para poder penetrá-la com o dedo.

Outro integrante da produção confirmou ao Mediapart que as filmagens precisaram ser paralizadas pelas reclamações da figurante, levando o diretor a mudar a cena, impedindo que ela ficasse ao lado de Depardieu. Já um outro ator de The Box recordou ter escutado o colega de elenco "gritando que podia transar com quem quisesse, e chamando a figurante de 'porca gorda'".

Outro caso teria acontecido no set do filme Disco, de 2008, e é corroborado pelo diretor Fabien Onteniente, o único dos diretores entrevistados na reportagem que apoiou as denúncias. Na ocasião, a figurante Hélene Darras alega que Depardieu a "agarrou pela cintura" e "a tocou insistentemente, inclusive no bumbum", também sugerindo que ambos fossem para o seu camarim.

Mais assédios podem ter ocorrido nas filmagens de títulos como Piaf - Um Hino ao Amor (2007), Hello Goodbye (2008), L'Autre Dumas (2010), e da série Marseille (2016-2018). Os diretores e produtores, nessa produções, negam ter testemunhado ou ouvido falar sobre o comportamento inapropriado do ator.


Imagem

John Malkovich, Gerard Depardieu e Jeremy Irons como os Três Mosqueteiros em "O Homem da Máscara de Ferro", filme de 1998. (Foto: Reprodução/Twitter)


O Mediapart ainda relatou à respeito de uma das atrizes da lista de denunciantes que "acabou de dar o seu depoimento a autoridades legislativas francesas" sobre o caso de assédio, embora a Variety tenha apurado com a promotoria de Paris não existir novas acusações formais contra Depardieu.

A promotoria leva em conta que o ator já vem respondendo por uma denúncia de estupro, em relação à um caso de 2018, porém tornado público apenas em 2021. Este caso ainda segue na justiça francesa.

Os advogados de Depardieu permanecem firmes e "negam todas as acusações que podem gerar imputação criminosa" contra ele. O próprio ator não pretende se pronunciar sobre a reportagem, segundo eles.

Depardieu acumulou uma carreira de sucesso nesses 74 anos de vida, com direito à uma nomeação ao Oscar pelo filme Cyrano e um Globo de Ouro conquistado por Green Card - Passaporte para o Amor, ambos de 1990. Ele também é mundialmente conhecido pela franquia Asterix & Obelix.

 

Foto Destaque: Ator Gérard Depardieu. Reprodução/Twitter