Tech

Instagram Kids: Projeto do Facebook para crianças é pausado

28 Set 2021 - 16h17 | Atulizado em 28 Set 2021 - 16h17
Instagram Kids: Projeto do Facebook para crianças é pausado

Nesta segunda-feira (27/09) o Instagram anunciou que o desenvolvimento do seu aplicativo focado para crianças de até 13 anos, idade mínima para uma conta do Instagram, estará pausado. A pausa, segundo a empresa, é para que sua equipe tenha mais tempo para trabalhar com pais, especialistas e autoridades no desenvolvimento.


(Foto: Pixabay / StockSnap)


O anúncio da empresa foi feito duas semanas após a publicação de uma reportagem do Wall Street Journal que expõe documentos internos do Facebook. Nos Estados Unidos, 40% dos usuários têm idade abaixo de 22 anos, configurando um público bastante jovem na plataforma. 

Uma pesquisa realizada nos Estados Unidos e no Reino Unido constata que 40% dos jovens que se sentem pouco atraentes relacionam a origem desse sentimento com o uso do Instagram.

A pesquisa também mostra que 32% das meninas e 14% dos meninos, quando já estão tristes com sua própria imagem, se sentem piores após utilizar o aplicativo. Outro dado mais grave aponta que 13% dos usuários jovens britânicos e 6% dos usuários americanos tiveram pensamentos suicidas também relacionados ao Instagram.

A empresa se pronunciou em resposta e disse que a pesquisa também aponta dados positivos para adolescentes.


https://inmagazine.com.br/post/Facebook-lanca-novos-produtos-com-foco-em-videochamada-Portal-Go-e-Portal-Plus

 

https://inmagazine.com.br/post/O-varejo-tem-que-se-tornar-digital

 

https://inmagazine.com.br/post/7-previsoes-para-o-mercado-robotico-em-2030

 

“A realidade é que as crianças já estão online, e nós acreditamos que uma experiência mais apropriada para a idade criada especialmente para elas é muito melhor para os pais do que o que temos hoje” disse Adam Mosseri, chefe da rede social em pronunciamento sobre a pausa do projeto. O desenvolvimento do aplicativo foi anunciado em março deste ano e com a faixa etária de 10 a 12 anos. Seria completamente livre de anúncios e os pais teriam total controle e supervisão sobre as contas dos filhos.

Vale ressaltar que os problemas com a plataforma vem desde seu anuncio, devido a possível exposição das crianças a abusadores. Pouco tempo após seu anuncio, 44 procuradores gerais dos Estados Unidos assinaram um documento com razões para que o aplicativo seja cancelado.

Foto de destaque: Pixabay / geralt

Mais Lidas