Moda

Jodie Turner Smith vem quebrando barreiras em busca de mais representatividade

18 Out 2021 - 11h18 | Atulizado em 18 Out 2021 - 11h18
Jodie Turner Smith vem quebrando barreiras em busca de mais representatividade

Saiba quem é Jordie Turner Smith a artista que vem quebrando barreiras do cinema em busca de mais representatividade na indústria e faz sua estreia em uma capa da Vogue nesta edição de outubro. Um dos nomes mais promissores do cinema internacional e atual embaixadora da Gucci, a britânica é descendentes de jamaicanos e conta como pivoteou a carreira dos sonhos trocando o emprego no mercado financeiro para se dedicar ao entretenimento.


(Foto: Reprodução/Instagram)


Chique, sem esforço e emocionada convicta, a fashionista brilhou no último tapete vermelho em Cannes e ela é uma das protagonistas de After Yang, novo longa de ficção científica dirigido por Kogonada e indicado ao Un Certain Regard. Recém chegada ao showbizz.

https://inmagazine.com.br/post/Colin-Kaepernick-diz-ainda-ter-esperanca-de-voltar-a-NFL

https://inmagazine.com.br/post/Jose-de-Abreu-deixa-carreira-artistica-para-se-dedicar-a-politica

https://inmagazine.com.br/post/Novo-aumento-do-diesel-pode-provocar-greves

Jodie conta como pivoteou a carreira de seus sonhos trocando o emprego no mercado financeiro em busca de realizá-los para se dedicar ao entretenimento, compartilhando os desafios da maternidade na pandemia e relembrando o sucesso do filme cult Queen and Slim, um longa dirigindo por Melina Matsoukas e com roteiro de Lena Whaite tido como um bone e Clyde repaginado.

Ela defende:  “Ocupar esses espaços é a minha forma de levar a conversa da diversidade e inclusão adiante”. Fetejamos o centenário da Gucci com essa mulher que também está reescrevendo a história ( a dela e aquela que aprendemos em sala de aula) ao quebrar paradigmas.

A grife italiana completa 100 anos o auge (segundo dados da List Index e estudos da Luxe Digital, ela lidera o ranking de 2021 entre as mais desejadas das marcas de luxo) ao honrar sua herança, mas é claro, sem apego ao que passou.

Nos perguntamos diariamente em como seguir em frente sem perder o ponto de partida. Alessandro Michelle que é diretor criativo da Gucci desde 2015, com sensibilidade, tutano e atrevimento vem gabaritando todas as respostas sem seguir qualquer fórmula prexistente.

Foto destaque: Reprodução/Instagram

Mais Lidas