Tech

Jogos e tecnologia: Tudo por trás da nossa diversão online

23 Jun 2022 - 18h17 | Atulizado em 23 Jun 2022 - 18h17
Jogos e tecnologia: Tudo por trás da nossa diversão online

Atualmente, quando falamos sobre jogos e tecnologia, o imaginário social tende a se conectar diretamente a consoles e desktops com set-ups potentes. Mas o elo entre ambos vai muito além disso. Existem jogos de rua, como pega bandeira, amarelinha, jogos de tabuleiro como dama, xadrez, banco imobiliário, que necessitam apenas de regras, jogadores e a diversão é garantida.

Com a chegada da tecnologia digital, que globalizou as relações, interações e até mesmo as tendências, os jogos também evoluíram. Os videogames, que já existem há décadas, se popularizaram com jogos digitais inovadores para sua época, como tetris, 4 fotos 1 palavra e Mario Bros.

Esses videogames trouxeram uma gama abrangente e diversa de plataformas possíveis para se criar um jogo. Atualmente, a indústria global de jogos digitais gera até 100 bilhões de dólares ao ano! Esse valor se justifica pois boa parte dos lares no Brasil, na América e no mundo, possuem um videogame.

Logo, se em um momento a tecnologia veio para propósitos de guerra, atualmente as novas tecnologias são incorporadas ao cotidiano de todos. E o mesmo movimento acontece com a evolução dos jogos eletrônicos.

Continue a leitura e entenda como a conexão entre jogos e tecnologias aconteceu ao longo do tempo.

A evolução dos jogos e tecnologias

Devemos ter em mente que esses jogos foram criados por cientistas tecnólogos, que se dedicaram em seus laboratórios a aperfeiçoar a experiência oferecida pelos games. A criação veio de jogos simples, como teses de doutores, para depois serem comercializados.

Esse é o caso do primeiro jogo de computador, surgido em 1940, que tratava-se de um jogo matemático, em que o computador ganhava 90% das vezes contra as pessoas. Logo em seguida vem o jogo OXO, em 1952, conhecido como zeros e cruzes, o famoso jogo da velha para computador.

Mas foi em 1958 que o primeiro jogo em um grande computador analógico e tela de osciloscópio passou a ser comercializado, conhecido como Tennis for Two, em Nova Iorque. Alguns anos depois, em 1962, no instituto de tecnologia de Massachusetts, criou o game Spacewar!

Spacewar! foi um videogame de combate espacial que acabou sendo um sucesso e conquistou vários norte-americanos. Com o tempo, passou a ser o primeiro a ser jogado em várias instalações de computador.

Cerca de 9 anos depois, em 1967, foi criado o primeiro console de jogos eletrônicos para ser usado em casa, que se parece um pouco com o que conhecemos hoje. Esse lançamento foi chamado de Brown Box, vinha com até seis jogos diferentes e foi amplamente vendido nos anos 70.

O BOOM!: A explosão dos games dos anos 70 até os 90

Com a popularidade dos jogos e tecnologia aumentando nos anos 70, a empresa que passaria a ser uma grande pioneira e de extrema importância, Sega, passou a investir em jogos arcade, o que levou ao lançamento do Atari em 1972. Nesse momento, ela se tornou a primeira empresa de jogos eletrônicos do mundo!

Na época, as máquinas eram projetadas para espaços comerciais, portanto eram grandes e se espalharam por salas e comércios dos Estados Unidos. Foi comum ir em lojas games para bater a pontuação máxima entre as principais máquinas: Pac-Man, Space Invaders, Pong, Donkey Kong e mais.

Também nos anos 70 foram criados os computadores pessoais: a Intel produziu o primeiro microprocessador, chamado de 4004. Assim, jogos e tecnologias passam a ser um novo nicho empresarial, com lançamentos de revistas, lojas só de games, criação das comunidades de gamers e produção de games como trabalho.

Os anos 80 foram marcados pelo lançamento do Nintendo no Japão. Trouxeram o console Famicom, conhecido até hoje somente como Nintendo, Outros consoles lançados foram o Super Nintendo, o Sega Mega Drive e o Gameboy.

Com essa transição dos jogos eletrônicos para os anos 90 e a implementação da internet, tudo mudou. Já marcava a quinta geração de consoles. Os lançamentos passaram a ser diversos: Nintendo 64, Sony Playstation e o Sega Saturn, por exemplo.

Passaram a ser desenvolvidos jogos 3D e também os Compact Discs (CDs) e são utilizados em maior escala. O lançamento do Windows 95 gera uma nova possibilidade de conexão: o acesso a internet passa a ser mais barato, acessível, pois o sistema já trazia uma placa necessária para se conectar.

Essa é a história de como jogos e tecnologia construíram uma união que passaria a ser uma das maiores indústrias do mundo. O que antes era uma oportunidade de reunir amigos em casa, se tornou um meio de se conectar com pessoas de todo o mundo, seja por meio de consoles ou jogos casuais online. Qual é o seu game favorito?

 

Foto destaque: Dado. Reprodução/Divulgação