Esportes

Lewis Hamilton comete erros e termina GP de Singapura em nono lugar: "Um dia péssimo"

03 Out 2022 - 14h03 | Atulizado em 03 Out 2022 - 14h03
Lewis Hamilton comete erros e termina GP de Singapura em nono lugar:

O GP de Singapura, que ocorreu no último domingo (2), não teve o final desejado por Lewis Hamilton. O piloto britânico, que chegou a liderar o primeiro treino livre na última sexta-feira (30), e largou em 3° lugar, cometeu dois erros e terminou a corrida na 9° posição.

Após a corrida, o heptacampeão lamentou o resultado: “Não sinto grandes emoções neste momento. É um dia bem chato, bem pobre. Um dia péssimo, para ser honesto. Mas me sinto bem, só estou pensando no amanhã.”

Ainda na largada, Carlos Sainz ultrapassou Hamilton na primeira curva e tomou sua posição. O britânico reclamou de ter sido jogado para fora da pista, mas a direção da prova não abriu investigação.

Na curva 33, o heptacampeão parou de frente para o muro da curva 7, depois de deslizar na pista molhada e teve a asa danificada. O piloto da Mercedes foi para os boxes para trocar a asa e colocar pneus médios.

“Acho que começamos o fim de semana (de forma) bem decente, mas muito, muito sem sorte no fim. Eu estava tentando, obviamente é difícil ultrapassar. Naquela travada na curva 7, quando essas coisas acontecem, seu coração afunda um pouco.”, disse Hamilton. 

Com seis abandonos, pista molhada pela chuva, o GP foi concluído sob cronômetro, devido ao limite de 2 horas que uma corrida pode ter segundo o regulamento. O heptacampeão estava em 8° lugar, tentando superar Sebastian Vettel, mas escorregou outra vez e acabou sendo ultrapassado por Max Verstappen. Lewis justificou o acontecimento: “Tentei ultrapassar Seb (Vettel), mas estava molhado na parte de dentro. Quando você falha, você se levanta e tenta novamente.”


 Lewis é ultrapassado por Max Verstappen (Reprodução/Twitter)


A corrida terminou com vitória da Red Bull. Sérgio Perez chegou a ser punido em 5s, o que não fez diferença, já que o mexicano estava a 7s de distância do segundo colocado, Charles Leclerc. O pódio contou com o outro piloto da Ferrari em 3° lugar, Carlos Sainz.

A próxima parada da Fórmula 1 é o Japão, no próximo domingo, 9 de outubro. O GP ocorre às 2h, no horário de Brasília. Max Verstappen pode conquistar o bicampeonato, caso a diferença de pontos seja de 112 a mais que Charles Leclerc.

 

Foto destaque: Lewis Hamilton no GP de Singapura. Reprodução/Instagram.