Esportes

Louis Van Gaal deixa aposentadoria e assume a seleção da Holanda pela 3º vez

06 Ago 2021 - 00h10 | Atulizado em 06 Ago 2021 - 00h10
Louis Van Gaal deixa aposentadoria e assume a seleção da Holanda pela 3º vez

O técnico Louis Van Gaal vai assumir a seleção da Holanda pela terceira vez em sua carreira. A informação é do jornal holandês De Telegraaf. O contrato irá até o fim da Copa do Mundo do Catar em 2022.


Louis Van Gaal anunciado como novo treinador da seleção holandesa (Foto: Reprodução / Divulgação GE)


 Aos 69 anos, o experiente treinador irá assumir o lugar de Frank de Boer, que deixou o comando da equipe após o fracasso na Eurocopa. Na ocasião, ao tempo holandês foi derrotado por 2 a 0 pela República Tcheca nas quartas de final.

 O treinador holandês, que estava em processo de aposentadoria não, trabalhava desde 2016 quando deixou o Manchester United. Van Gaal vai para sua terceira passagem na seleção holandesa. Sua primeira foi entre 2000 e 2002, foi um fracasso, com a seleção ficando fora da Copa do Japão e da Coreia do Sul mesmo contando com estrelas como Van Nistelrooy, Seedorf e Kluivert. Na segunda, entre 2012 e 2014, teve ótimo desempenho classificando a Holanda para Copa do Brasil e conquistando o terceiro lugar.

 O treinador fará a primeira convocação para a Holanda em 15 de setembro para os jogos contra Noruega, Montenegro e Turquia, todos em setembro, pelas eliminatórias da Copa de 2022.


Justiça do Rio proíbe Rogério Caboclo de ir a CBF e de falar com sete pessoas ligadas à confederação

Brasil garante 19 medalhas e iguala feito histórico em Olimpíadas

Lucão aponta 3º set como decisivo para a derrota do vôlei brasileiro diante os russos : “A culpa foi nossa que colocamos eles no jogo”


O futebol holandês sempre esteve perto do meu coração e dirigir a seleção nacional, na minha visão, uma posição chave para o avanço do nosso futebol. Além disso, considero uma honra treinar a seleção holandesa”, disse van Gaal ao ser anunciado.

Há pouco tempo para as próximas partidas das Eliminatórias, que são imediatamente cruciais para a participação na Copa do Mundo. O foco está, então, imediatamente nos jogadores e na abordagem. Afinal, eu fui escolhido para isso”, continuou o veterano treinador. “É bom estar de volta a Zeist [onde fica o Centro de Treinamento da KNVB]. Já falei com vários jogadores e a equipe técnica foi reunida com a KNVB. Eu estou muito ansioso para fazer o trabalho juntos”, completou.

 O diretor da KNVB, Nico-Jan Hoogma, comentou sobre a escolha de Van Gaal para a posição, “ Nos próximos meses, nós teremos pela frente a tarefa de classificar o tempo para uma Copa do Mundo. Nós temos um período mínimo de preparação para isso. Com essa visão para o trabalho, procurávamos um técnico com qualidades excepcionais, que rapidamente pode se preparar e para quem dirigir uma seleção não incluída segredos. Com sua experiência e currículo no mais alto nível, acreditamos que isso temos em Louis van Gaal. O contato foi feito rapidamente e falamos frequentemente desde então. Nos últimos dias, pudemos devemos colocar os pingos nos 'is' juntos. Estamos felizes por Louis assumir este trabalho ”, disse.

 


(Foto destaque: Van Gaal assinando o lançamento de seu livro. Reprodução / Imago / OneFootball)